Radar traz Petrobras (PETR4), Gol (GOLL4), Tim (TIMS3) e BB Seguridade (BBSE3)

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 8 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Certificações: CPA-10, CPA-20 e AAI. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

O Radar Corporativo desta quarta-feira (16) destaca que a Petrobras (PETR4) concluiu a etapa de validação das inscrições do Plano Petros 3 (PP-3), totalizando 2.176 pedidos deferidos. Também, que a empresa começou a usar um novo supercomputador, visando aumentar a performance do processamento de dados geofísicos e, assim, reduzir os riscos geológicos e operacionais. 

A Gol (GOLL4) homologou parcialmente o aumento de capital no montante de aproximadamente R$ 422,611 milhões, a partir da emissão de 171.136.137 ações ordinárias e 12.581.185 ações preferenciais.

Simule seus investimentos com um especialista e confira as melhores opções de acordo com seu perfil

Já a Tim (TIMS3) concluiu nesta terça-feira (15) a liquidação da segunda emissão de debêntures, em um montante total de R$ 1,6 bilhão. Enquanto a BB Seguridade (BBSE3) finalizou primeira emissão de debêntures, no total de R$ 550 milhões.

A Renova Energia (RNEW3 RNEW4 RNEW11) confirmou notícia de que o fundo Mubadala fez oferta pela Brasil PCH.

Enquanto o grupo Indorama avança nas negociações para a compra dos ativos da Oxiteno, divisão química do grupo Ultra (UGPA3).

A Ambipar (AMBP3), por sua vez, informou a aquisição de 100% da Ecológica Nordeste EIRELI e da Ecológica Gestão Ambiental Ltda, através de sua controlada indireta, Ambipar Environmental Nordeste.

E a Guararapes (GUAR3) anunciou a inauguração de sua sétima loja Carter’s, em Niterói.

A Ser Educacional (SEER3) fechou financiamento de R$ 200 milhões, com prazo de 7 anos, com braço do Baco Mundial. 

Por fim, a asset Capitalys, conhecida pela atuação no mercado de crédito privado, prepara seu IPO para o segundo semestre, segundo o Valor.

Confira a cobertura completa do Radar Corporativo:

O que você verá neste artigo:

CIAS ABERTAS

Petrobras (PETR4) conclui etapa de validação de novo plano de Previdência 

A Petrobras (PETR4) informa que foi concluída a etapa de validação das inscrições do Plano Petros 3 (PP-3), totalizando 2.176 pedidos deferidos.

Os estudos de viabilidade técnica e administrativa do novo plano foram finalizados e a Diretoria Executiva da Petros atestou sua viabilidade em reunião realizada nesta data, permitindo sua implementação.

A previsão do início de operacionalização do novo plano é agosto de 2021.

“O PP-3 já nasce sendo um dos 10 maiores planos previdenciários na modalidade de contribuição definida do Brasil, em termos de patrimônio”, diz a estatal em comunicado.

O plano foi uma opção exclusiva para migração voluntária e pontual dos participantes e assistidos dos planos Petros do Sistema Petrobras Repactuados e Não Repactuados (PPSP-R e PPSP-NR), ambos pós-70.

Petrobras sobre Assembleia de Acionistas

A Petrobras comunicou também que seu Conselho de Administração autorizou a convocação de Assembleia Geral Extraordinária (AGE) para eleição de oito cargos de Conselheiros de Administração preenchidos pelo processo de voto múltiplo na AGE de 12 de abril de 2021. A companhia concedeu prazo de até 45 dias para a publicação do edital de convocação.

Até a data da convocação da AGE, a Petrobras espera concluir o trabalho de apuração do processo de votação relativo à eleição dos membros do Conselho de Administração, realizada na AGE de 12 de abril de 2021, que está sendo conduzido por consultoria especializada.

Petrobras (PETR4) coloca em operação novo supercomputador para reduzir riscos

A Petrobras começou a usar, neste mês, mais um novo supercomputador, visando aumentar a performance do processamento de dados geofísicos e, assim, reduzir os riscos geológicos e operacionais da empresa, de acordo com reportagem do Valor.

O supercomputador é o maior da América Latina e custou aproximadamente R$ 100 milhões.

Ambipar (AMBP3) compra a Ecológica Nordeste

A Ambipar (AMBP3) informou hoje a aquisição de 100% da Ecológica Nordeste EIRELI e Ecológica Gestão Ambiental Ltda, através de sua controlada indireta, Ambipar Environmental Nordeste.

Fundada em 2013, na cidade de Salvador, a Ecológica Nordeste iniciou suas operações oferecendo serviços de gerenciamento de resíduos, que contemplam a coleta, transporte e destinação de resíduos classes I e II, segundo da Ambipar.

Guararapes (GUAR3) inaugura loja

A Guararapes (GUAR3) anunciou a inauguração da sétima loja Carter’s, localizada no PlazaShopping Niterói, no Rio de Janeiro.

Com esta inauguração, a companhia totaliza 339 lojas, sendo 329 da Riachuelo, 7 da Carter’s e 3 da Casa Riachuelo.

IMC (MEAL3) fecha acordo para encerrar discussão arbitral

A IMC (MEAL3) informou que celebrou Termo de Acordo com os integrantes do Grupo Sforza sobre ajustes de avaliação em favor da companhia, sob os termos do Acordo de Associação firmado em 25 de julho de 2019. Esse acordo era objeto de discussão no procedimento arbitral.

Diante disso, as empresas se comprometeram a adotar as providências necessárias à extinção definitiva da arbitragem perante à Câmara de Arbitragem do Mercado.

Ser (SEER3) e IFC fecham acordo para financiamento de R$ 200 milhões

A Ser Educacional (SEER3) fechou nesta terça (15) um financiamento com a International Finance Corporation (IFC), do Grupo Banco Mundial, no valor total de R$ 200 milhões, com prazo de 7 anos, a serem pagos semestralmente em 11 parcelas a partir de abril de 2023.

Segundo a Ser, o montante servirá para “fortalecer a estratégia de crescimento e a transformação digital da companhia”.

O financiamento será feito em reais e remunerado a uma taxa de juros média de CDI+2.55% a.a. na primeira tranche de R$ 165 milhões e a segunda de R$ 35 milhões, que será desembolsada em conjunto e de forma proporcional à primeira, com taxa de juros definida de acordo com as condições de mercado no momento do desembolso.

Engie (EGIE3) prorroga direito de exclusividade na negociação de complexo termelétrico

A Engie (EGIE3) resolveu estender em 120 dias a exclusividade concedida à Fram Capital Energy II Fundo de Investimento em Participações Multiestratégia (FIP-FRAM), visando a continuação do processo de due diligence para aquisição da totalidade da participação acionária na Diamante Geração de Energia.

A Diamante é uma empresa controlada pela Engie, que detém a totalidade dos ativos que compõe o Complexo Termelétrico Jorge Lacerda (CTJL).

Renova (RNEW11) confirma oferta do fundo Mubadala para compra da Brasil PCH

A Renova Energia (RNEW3 RNEW4 RNEW11) confirmou à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) o conteúdo da notícia veiculada hoje pelo Valor Econômico, sob o título “Mubadala faz oferta à Renova para a compra da Brasil PCH”.

A Renova confirma o recebimento de uma oferta apresentada pelo fundo Mubadala para a aquisição da participação societária detida na Brasil PCH.

A empresa lembra que já vinha “conduzido uma série de processos competitivos para a alienação de seus ativos, em observância às condições aprovadas em seu Plano de Recuperação Judicial”. E completa: “a referida oferta, que possui uma série de condicionantes a serem verificadas e analisadas pela companhia, é fruto de um desses processos competitivos”.

Itaú (ITUB4) prevê R$ 400 bilhões para crédito ‘verde’

O Itaú informou o compromisso de contribuir com R$ 400 bilhões até 2025 em operações de crédito e de mercado para financiar a economia verde. A instituição financeira também planeja tornar mais transparente seu portfólio de investimentos e ativos no segundo semestre, em sintonia com as tendências internacionais, conforme informou o jornal Valor.

Ultrapar (UGPA3) está próxima de vender Oxiteno

O grupo Indorama avançou nas negociações para a compra dos ativos da Oxiteno, divisão química do grupo Ultra, da Ultrapar (UGPA3).

De acordo com fontes ouvidas pelo Valor, a companhia tailandesa firmou acordo de exclusividade com o conglomerado brasileiro, dono da rede de postos de combustíveis Ipiranga.

O Indorama estaria disposto a pagar cerca de US$ 1,2 bilhão pela Oxiteno. Com fábricas no Brasil, América Latina e EUA, a divisão do Ultra é avaliada em cerca de US$ 1 bilhão pelo mercado.

EMISSÕES/DÍVIDAS

Tim (TIMS3) capta R$ 1,6 bi em debêntures

A Tim (TIMS3) concluiu nesta terça-feira (15) a liquidação da 2ª emissão de debêntures, em série única. Foram emitidas 1,6 milhão debêntures, com valor nominal unitário de R$ 1 mil, de modo que a captação deu o montante total de R$ 1,6 bilhão. O vencimento das debêntures é em 15 de junho de 2028.

“As debêntures se enquadram dentro do projeto de infraestrutura aprovado pelo Ministério das Comunicações no dia 22 de abril (portaria 2447/2021), no valor global aproximado de 5,8 bilhões de reais”, ressalta a Tim.

De acordo com a empresa, os recursos obtidos por meio da emissão serão destinados para o financiamento de projetos de implantação, ampliação e modernização de redes fixa e móvel em diferentes tecnologias, incluindo 5G.

Gol (GOLL4) homologa parcialmente aumento de capital de R$ 422,6 mi 

A Gol (GOLL4) informou nesta terça-feira (15) que homologou parcialmente o aumento de capital no montante de aproximadamente R$ 422,611 milhões, a partir da emissão de 171.136.137 ações ordinárias e 12.581.185 ações preferenciais.

Além disso, o Conselho de Administração da Gol homologou a conversão de 171.136.137 ações ordinárias, detidas pelos acionistas controladores que subscreveram-nas no âmbito do aumento de capital, em 4.889.603 ações preferenciais, à razão de 35 ações ordinárias para 1 ação preferencial.

Assim, o capital social da companhia passa a ser de exatos R$ 4.194.953.561,82, dividido em 3.177.611.730 ações, sendo 2.863.682.710 ações ordinárias e 313.929.020 ações preferenciais.

BB Seguridade (BBSE3) finaliza 1º emissão de debêntures no total de R$ 550 milhões

A BB Seguridade (BBSE3) informou que foi encerrada a primeira emissão de debêntures subordinadas, não conversíveis em ações, emitidas pela Brasilprev.

A emissão foi composta por 550.000 debêntures com valor nominal unitário de R$ 1.000,00, perfazendo o montante total de R$ 550 milhões.

“Os recursos captados por meio da emissão serão utilizados pela Brasilprev conforme o necessário para cobertura do capital mínimo requerido, diz a BB Seguridade.

Minerva (BEEF3) aprova aumento de capital por bônus de subscrição

A Minerva (BEEF3) informou hoje que entre os dias 19 de maio a 11 de junho de 2021, foram exercidos 5.185 bônus de subscrição, atribuídos como vantagem adicional aos subscritores de ações no âmbito do aumento de capital.

O aumento se deu no valor de R$ 27.947,15, mediante a emissão 5.185 novas ações ordinárias, com preço de emissão de R$ 5,39.

A partir daí, a empresa aprovou seu aumento do capital social, que passará dos autuais R$ 1.371.393.343,46, divididos em 549.629.035 ações ordinárias, para R$ 1.371.421.290,61, divididos em 549.634.220 ações ordinárias.

Light (LIGT3) precifica oferta de notes units no total de US$ 600 mi 

A Ligh (LIGT3) anunciou a precificação de oferta no mercado internacional de notes units, compreendidas por senior notes emitidas pela Light SESA e pela Light Energia.

As Notes Units serão emitidas no mercado internacional no valor total de US$ 600 milhões, consistindo de senior notes no valor de USS 400 milhões de emissão da Light SESA e senior notes no montante de US$ 200 milhões de emissão da Light Energia.

As Notes Units terão vencimento em 18 de junho de 2026 e farão jus a juros remuneratórios semestrais de 4,375% ao ano.

Log (LOGG3) aprova programa do Plano de Stock Options

A reunião do Conselho de Administração da Log (LOGG3) aprovou o Plano II de Outorga de Opções de Compra de Ações da Companhia, com a lista dos beneficiários e a data da concessão aos beneficiários no montante total de 338.074 opções.

“Os beneficiários serão devidamente convidados por escrito por este Conselho de Administração, através da respectiva Carta Convite, a adquirir, caso assim desejarem, de acordo com os prazos, preços de compra e de exercício, o número de opções indicadas na respectiva Carta Convite”, detalhou a Even.

As opções poderão ser exercidas anualmente, no período de 1º a 31 de dezembro. O exercício das opções conferirá o direito a ações ordinárias da Log, pelo preço de exercício de R$ 30,22 por opção/ação, que corresponde à média da cotação das ações dos 30 pregões anteriores à data da concessão.

Atma (ATMP3) informa sobre aumento de capital

O Conselho de Administração da Atma (ATMP3) aprovou a homologação do aumento do capital social da companhia no valor de R$ 315.974.096,30, mediante a emissão de 1.860.970 ações ordinárias, ao preço de emissão de R$ 169,79 por ação.

Tais ações resultam da conversão de 314.307.149 debêntures da terceira série da 7ª emissão feita pela Atma.

Assim, seu capital social passa de R$ 1.092.741.526,36, dividido em 24.788.472 ações ordinárias para R$ 1.408.715.622,66, dividido em 26.649.442 ações ordinárias.

PROVENTOS

Even (EVEN3) aprova pagamento de R$ 40 milhões em dividendos intermediários

A incorporadora Even (EVEN3) aprovou, em reunião do Conselho de Administração, a distribuição de dividendos intermediários no montante total de R$ 40 Milhões, com lastro nas demonstrações financeiras da companhia referentes ao 1º trimestre de 2021, cujo lucro foi 2,3 vezes maior.

Tal montante a ser distribuído representa R$ 0,19311758 por ação ordinária de emissão da Even, sem contar as da Tesouraria.

Os juros serão pagos de acordo com a base acionária de 18 de junho de 2021 e o pagamento será feito em 30 de junho desde mesmo ano.

Cia Energética do Ceará (COCE5) informa pagamento de juros

A Coelce (COCE5), Companhia Energética do Ceará, comunicou hoje aos titulares das debêntures em circulação das primeira e segunda séries da 6ª Emissão que efetuará o pagamento de juros no dia 15 de junho de 2021.

As debêntures da primeira série, que são 40 mil, terão juros de R$ 16,46162100 por cada uma, totalizando o pagamento de R$ 658.464,84.

As da segunda série, que são 270 mil, receberão R$ 34,30994214 cada, totalizando R$ 9.263.684,38.

MUDANÇA ACIONÁRIA

Unipar Carbocloro (UNIP6): Barra FIM reduz participação

A Unipar Carbocloro (UNIP6) informou que o fundo Barra FIM reduziu sua participação, passando a deter aproximadamente 4,38% do total de 59.352.738 ações preferenciais classe B. A redução de participação aqui referida foi decorrente de uma operação de cisão do Barra FIM, e não da realização de operações de venda de ações em mercado.

Focus Energia (POWE3): Morgan Stanley atinge 4,9% de participação

A Focus Energia (POWE3) anunciou que o Morgan Stanley e suas subsidiárias passaram a deter o total de 4.358.583 ações ordinárias, equivalentes a 4,9% do total das ações ordinárias.

IPO

Capitalys pode movimentar até R$ 1 bi em IPO

A asset Capitalys, conhecida por sua atuação no mercado de crédito privado, prepara seu IPO para o segundo semestre, disseram fontes ao jornal Valor.

A captação é estimada entre R$ 750 milhões e R$ 1 bilhão, incluindo tranches primária e secundária. A asset já deu
início à contratação de bancos coordenadores e às conversas iniciais com potenciais investidores.

Cases da Bolsa

Aprenda análise fundamentalista de ações na prática, com maiores cases já criados na B3