Conheça as small caps de energia e saneamento da bolsa de valores

Matheus Miranda
Colaborador do Torcedores

Crédito: Site Petronotícias

Entre small caps do setor de energia e saneamento do Índice SMLL da B3 (B3SA3) estão marcas conhecidas do grande público, como a Light (LIGT3), companhia de energia elétrica do Rio de Janeiro, ou Copasa (CSMG3) e Sanepar (SAPR4 SAPR11), respectivamente, responsáveis pelo saneamento de Minas Gerais e Paraná.

Energia e saneamento são dois setores essenciais dos serviços públicos, com receita geralmente previsível. Enquanto um provê a força que move a economia do país, o segundo cuida dos recursos naturais.

O setor de energia, aliás, tem uma ligação direta com o setor produtivo. Pois são as energéticas que proveem a força para que pôr em funcionamento uma fábrica, uma linha de produção. Em suma: a soma das riquezas do país.

No mais, as small caps podem ser boas opções de investimentos, trazendo companhias de grande porte, consolidadas em seus segmentos, mas que não se encontram entre as maiores do Ibovespa.

Assim, por estarem fora de parte da estratégia de grandes fundos estrangeiros, podem ser uma aposta aos pequenos investidores, sobretudo para quem busca retornos a médio prazo mais vantajosos, caso se proponha a aceitar um pouco mais de risco.

Conheça as small caps do setor de energia

Eneva (ENEV3)

Atuante no setor de gás natural, a Eneva (ENEV3) está listada na B3 como empresa de recursos naturais e de geração de energia elétrica, integração vertical na geração de energia elétrica. Exemplo de geração são as termelétricas que a empresa possui no Complexo do Parnaíba (MA).

Sobre a composição acionária da empresa, 38,60% estão distribuídas por ações da empresa na bolsa. A subsidiária Eneva Fundo de Investimento em Ações é dona de outros 22,89%, mesma fatia correspondente ao BTG Pactual (BPAC11) e são os maiores acionistas. Possui 315,4 milhões de ações em circulação no mercado.

Entre janeiro e setembro do ano passado, a Eneva obteve lucro líquido de R$ 320,2 milhões ante R$ 234,6 milhões no mesmo período do ano passado.

Taesa (TAEE11)

Outra empresa do índice de small caps é a Taesa (TAEE11) atua nas atividades de transmissão de energia elétrica, com vários projetos de transmissão em vários estados do país.

Sobre o quadro de acionistas da empresa, 37% dos papéis estão distribuídos a outros acionistas em bolsa de valores. A Cemig (CMIG4) é dona de outra fatia de 36,97%, ao passo que a Isa Investimentos e Participações possui 26,03%. Estão em circulação, 655,7 milhões de papéis no mercado.

A transmissora acumulou lucro líquido de R$ 2,2 bilhões em 2020, valor que supera o lucro de R$ 1,1 bilhão obtidos em 2019.

Light S/A (LIGT3)

Integrante do índice de small caps, a Light S/A (LIGT3) possui participação em sociedades para exploração de serviços de energia elétrica. Esta é a holding de um grupo que contém outras companhias. Entre as participações em projetos de energia, estão investimentos em geração. Uma delas é a hidrelétrica Belo Monte, no Pará, uma das maiores em capacidade instalada no país, com cerca de 11 mil megawatts (MW).

Sobre a posição acionária da companhia, 63,57% estão distribuídos a demais investidores em bolsas de valores. A Samambaia Master Fia Investimento No Exterior, possui mais 20,01% dos papéis e o Santander Fundo de Investimentos em Ações, 10,16%. A Atmos Capital Gestão de Recursos tem uma participação minoritária, de 6,26%. Estão em circulação, 372,5 milhões de ações da empresa no mercado.

Em 2020, a empresa obteve lucro líquido de R$ 257 milhões ante R$ 1,6 bilhão do ano anterior.

Cesp (CESP6)

A Companhia Energética de São Paulo (CESP6), ex-estatal pertencente ao governo de São Paulo, é uma geradora de energia elétrica, possuindo três usinas hidrelétricas. Após quatro tentativas frustradas, a companhia foi finalmente privatizada e hoje é uma empresa de capital aberto, integrante do índice de small caps.

O maior acionista é o grupo VTRM Energia Participações que detém 93,52% dos papéis da empresa. Outra fatia de 6,44% está nas mãos de outros acionistas em bolsa. O governo federal, por meio da Eletrobras, possui uma participação minoritária, de 0,04%. Estão em circulação, 196,4 de ações da energética paulista.

No acumulado de 2020, a empresa obteve lucro líquido de R$ 1,7 bilhão contra R$ 1,1 bilhão do ano anterior.

EDP Brasil (ENBR3)

A EDP Brasil (ENBR3), antes chamada de Energias do Brasil, tem a matriz de sua operação em Portugal, por meio da EDP. Possui no país atividades como geração, distribuição, transmissão e comercialização de energia elétrica.

A maior parte dos papéis – 41,26% – está nas mãos de outros investidores em bolsa. Já 28,71% pertence à EDP International Investments And Services e outra fatia de 23,50% pertencem à EDP Is – Investimentos e Serviços. A 3G Radar Gestora de Recursos possui mais 5,40% do total. Ações de tesouraria respondem por 1,11% e aos administradores cabem 0,02%. Estão em circulação, 250,4 milhões de ações da EDP Brasil.

No ano passado, a EDP Brasil obteve lucro líquido de R$ 1,7 bilhão contra R$ 1,4 bilhão registrado em 2019.

AES Tietê (TIET11)

A AES Tietê (TIET11) atua no mercado de energia elétrica com geração e comercialização de energia e integra o indice de small caps. Tem forte atuação em geração renovável, possuindo usinas eólicas e solares.

Em sua composição acionária, a AES possui tanto ações ordinárias (ON) como preferenciais (PN). Entre os papéis ON, uma fatia de 19,49% estão distribuídas e investidores em bolsa, ao passo que a própria AES, por meio da AES Holdings Brasil Ii S.A. e da AES Holdings Brasil Ltda possuem, respectivamente, 10,04% e 61,61% de participação. O governo federal, por meio do braço de participações em empresas do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, o BNDESPar, detém 5,03%. Já por meio da Eletrobras possui 3,84%.

Com relação às ações PN, 50,70% estão distribuídos a demais investidores em bolsa. A AES Holdings Brasil Ii S.A. detém 26,11% destes papéis. O BNDESPar é dono de 13,08% e a Eletrobras, 9,98%. A AES Holdings Brasil Ltda é dona de uma fatia minoritária, de 0,13%. Estão em circulação 1,1 bilhão de ações da companhia.

No ano passado, a AES lucrou R$ 848 milhões contra R$ 300 milhões obtidos no ano anterior, mais do que dobrando o resultado.

Ômega Geração (OMGE3)

A Ômega Geração (OMGE3) tem como atividade principal a participação direta ou por meio de joint venture (parceria), consórcio ou qualquer outra sociedade, em ativos de energia elétrica que já tenham atingido a fase operacional – e integrante do índice small caps.

Na composição acionária, 50,36% dos papéis estão distribuídos por demais acionistas em bolsa. A Tarpon Gestora de Recursos possui mais 31,98% de participação na empresa. A Compass Group detém 5,44% e a Verde Asset Management, 5,15%. A Lambda3 Fundo de Investimento em Participações, detém uma participação minoritária, de 5,07%. Estão em circulação, 122,2 milhões de ações da companhia.

No ano passado, a empresa obteve lucro líquido de R$ 54,7 milhões, ao passo que no ano anterior o lucro chegou a R$ 32,6 milhões.

Alupar (ALUP11)

A Alupar (ALUP11) atua no segmento de participação em outras sociedades nos setores de energia e infra-estrutura, no Brasil ou no exterior. E ainda em geração, transformação, transporte, distribuição e comercialização de energia.

Possui ações ordinárias (ON) e preferenciais (PN). Entre os papéis ON, a Guarupart Participações possui 74,71% dos papéis. Outra fatia de 13,39% estão distribuídas a demais investidores em bolsa. O fundo de investimento relativo ao Fundo de Garantia Do Tempo de Serviço (FGTS) possui ainda 5,89% das ações. A BC Capital Gestão de Recursos possui 2,46%, seguida pela Perfin Administração de Recursos é dona de 2,38% dos papéis, enquanto a Cime Administração e Participações detém 1,17%.

Com relação aos papéis PN, 56,69% estão distribuídos a investidores em bolsa e o fundo do FGTS, possui 24,92% das ações. A BC Capital detém 10,41%. A Perfin e a Guarupart, neste tipo de ações, mantém participações minoritárias, com 6,04% e 1,94%, respectivamente. No total, a companhia tem um total de 420,1 milhões de ações em circulação.

Entre janeiro e setembro do ano passado, a empresa obteve lucro líquido de R$ 1,022 bilhão contra R$ 1,2 bilhão no ano anterior.

Small caps de saneamento

Copasa (CSMG3)

A Copasa (CSMG3) tem como atividade principal prestar serviços de saneamento em Minas Gerais, e está entre as empresas do índice small caps.

Metade das ações da companhia – 50,04% – pertencem ao próprio Governo do Estado de Minas Gerais. Outra fatia, de 49,68%, está distribuída a demais investidores na bolsa. É, portanto, uma empresa de capital misto. Tem 188,4 milhões de papéis negociados no mercado.

No ano passado, a companhia obteve lucro líquido de R$ 816,4 milhões ante um lucro de R$ 754 milhões no ano anterior.

Sanepar (SAPR4 SAPR11)

Outra grande companhias que integra o índice de small caps está a Sanepar (SAPR4 SAPR11), que tem como atividade principal a exploração de serviços públicos e de sistemas privados de abastecimento de água, de coleta, remoção e destinação final de efluentes e resíduos sólidos domésticos e industriais e seus subprodutos no estado do Paraná.

O Governo do Estado do Paraná é o principal acionista da empresa, com 60,10% das ações totais da companhia. Outra fatia de 39,90% está nas mãos de demais investidores em bolsa. No total, a Sanepar tem 1,2 bilhão de ações em circulação no mercado.

Quanto ao resultado financeiro, em 2020 a empresa obteve lucro líquido de R$ 996 milhões contra R$ 1,080 bilhão no ano anterior.

Dommo (DMMO3)

Por fim, o índice de small caps conta com a Dommo (DMMO3), uma petroleira que atua na exploração, produção e comercialização de petróleo e seus derivados, além do gás natural e outros hidrocarbonetos.

Sobre a posição acionária da empresa, a maior parte dos papéis – 59,39% – estão negociados em bolsa. Já outra fatia de 40,59% pertence à Settlement Shareco. No total, circulam no mercado 307,8 milhões de ações da empresa.

Nos nove primeiros meses de 2020, a empresa reportou prejuízo líquido de R$ 405 milhões ante um prejuízo de R$ 120 milhões, registrados em 2019.