Boletim Focus traz leve alta para inflação, PIB e câmbio em 2021

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: Enildo Amaral/BCB

O Boletim Focus do Banco Central traz nessa segunda-feira (1) projeção de leve aumento para inflação, Produto Interno Bruto (PIB) e câmbio em 2021.

A estimativa para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA – a inflação oficial do país) em 2021 foi de 3,50% da semana passada para 3,53% esta semana. Há quatro semanas, a projeção era de alta de 3,32%.

O Produto Interno Bruto (PIB) também teve alta: de 3,49% para 3,50%. Há quatro semanas, era 3,40%.

O câmbio foi de R$ 5 para R$ 5,01.

A Selic, taxa básica de juros, foi mantida em 3,50%.

Na ata de sua última reunião, divulgada na última terça-feira (26), o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central reafirmou a decisão de manter a taxa básica de juros, Selic, nos atuais 2%. Mas revelou que alguns membros já levantam questionamentos sobre o início de um “processo de normalização da política monetária, reduzindo o grau extraordinário dos estímulos”.

A retirada do forward guidance, que abre caminho para alteração dos juros, confirma a intenção.

Focus

Reprodução/BC

Leia também: como ficam seus investimentos com a decisão do Copom

Focus 2022

Tudo igual nas projeções do Focus para o ano que vem.

  • IPCA: 3,5% há 79 semanas
  • PIB: +2,50% há 145 semanas
  • Câmbio: R$ 5 há duas semanas.
  • Taxa Selic: 5% há duas semanas.

Focus 2023

  • IPCA: 3,25% há 29 semanas
  • PIB: +2,50% há 100 semanas
  • Câmbio: R$ 4,86 – era R$ 4,90 na semana passada
  • Taxa Selic: 6% há 14 semanas

Focus 2024

  • IPCA: 3,25% pela segunda semana
  • PIB: 2,50% há 47 semanas
  • Câmbio: R$ 4,90 – era R$ 4,98 na semana passada
  • Taxa Selic: 6% há 46 semanas