Private Equity: aprenda como funciona esse investimento

Humberto Maurício Pennacchia
null

Crédito: Freepik

 

 

Nesta pauta, explicaremos uma modalidade de investimento que não é muito falada e nem conhecida pela imensa maioria da população. Fique por dentro do private equity.

Abra agora sua conta na EQI Investimentos e tenha acesso a soluções customizadas de acordo com seu perfil

O que é private equity?

Private Equity é uma expressão em inglês que pode  ser traduzida como ativo privado.

Quando surgiu o private equity?

O private equity surgiu no Estados Unidos na década de 80.Neste modelo de investimento, uma organização com fins lucrativos compra um percentual de uma empresa, tanto de pequeno ou médio porte, firmando assim uma parceria ou uma sociedade com o objetivo principal de fazer a empresa investidora ajudar a empresa parceira a crescer e a aumentar seus lucros.

Neste formato ou modelo de gestão de negócios, os dois lados são beneficiados.

De um lado,  o empresário terá condições de fazer seu negócio crescer e deslanchar com o aporte financeiro e o suporte recebido da empresa investidora.

De outro lado, a empresa investidora irá vender sua participação na empresa assim que ela estiver consolidada no seu segmento de mercado e com lucros crescentes, assim ela sairá da parceria ou sociedade com um lucro substancialmente   maior do que o capital inicial investido.

É importante ressaltar que a empresa investidora por meio do private equity não entra no negócio apenas através do capital aportado, ela também oferece sua expertise administrativa, financeira e operacional, ajudando a empresa parceira a aperfeiçoar seus métodos e processos de gestão.

Qual o perfil de empresa que os fundos de private equity buscam?

Empresas de médio porte, com capacidade de crescimento e interesse na abertura de capital em bolsa. No Brasil, muitos empresários ainda se sentem meio receosos em investir em private equity, pois ainda falta muita informação de como se dá o processo e muitos têm medo de perder dinheiro com escolhas erradas.

Mas, segundo especialistas, é justamente em um cenário de crise e escassez que as empresas mais consolidadas devem investir no modelo private equity, pois ele pode oferecer grande potencial de ganhos.