EUA: novos pedidos de seguro-desemprego ficam em 340 mil, melhor que projeção

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: Reprodução/Flickr

Os novos pedidos de seguro-desemprego os Estados Unidos ficaram em 340 mil esta semana, ante projeção de 345 mil e leitura de 354 mil da semana passada (revisados de 353 mil). O dado foi divulgado nesta quinta-feira (2) pelo Departamento de Trabalho.

Amanhã (3) sai o payroll, folha de pagamentos oficial dos EUA, que dará um panorama mais claro da retomada do mercado de trabalho americano. Este item é crucial para a tomada de decisão do Federal Reserve (Fed) quanto à retirada de estímulos da economia.

De acordo com o banco central americano, a redução de estímulos só será possível diante de pandemia e inflação controladas e retomada consistente do emprego.