Santos Brasil (STBP3) reverte prejuízo e lucra R$ 60 milhões no 2TRI21

Felipe Alves
Jornalista com experiência em reportagem e edição em política, economia, geral e cultura, com passagens pelos principais veículos impressos e online de Santa Catarina: Diário Catarinense, jornal Notícias do Dia (Grupo ND) e Grupo RBS (NSC).
1

Crédito: Reprodução Página Oficial Santos Brasil

A Santos Brasil (STBP3) registrou lucro líquido de R$ 60,4 milhões no segundo trimestre de 2021 (2TRI21), revertendo o prejuízo de R$ 9,4 milhões.

Santos Brasil (STBP3): principais números do balanço do 2TRI21

Lucro líquido

  • Lucro 2TRI21: R$ 60,4 milhões
  • Prejuízo 2TRI20: R$ 9,4 milhões

Ebitda

  • Ebitda 2TRI21: R$ 147,7 milhões
  • Ebitda 2TRI20: R$ 42,2 milhões

Receita líquida

  • Receita 2TRI21: R$ 379,5 milhões
  • Receita 2TRI20: R$ 224,8 milhões

Ebitda tem alta de 250%

O Ebitda da Santos Brasil (STBP3) triplicou. Passou de R$ 42,2 milhões para R$ 147,7 milhões.

Simule seus investimentos com um especialista e confira as melhores opções de acordo com seu perfil

Ou seja, houve alta de 250%. O indicador foi o maior desde o 1TRI13.

A margem Ebitda foi de 38,9%.

No 2T21, foram registrados efeitos não recorrentes marginais, no montante líquido positivo de R$ 0,7 milhão, sendo: (i) receita de R$ 0,5 milhão, gerada pela locação de um guindaste MHC para outro operador portuário no Porto de Vila do Conde e (ii) receita de R$ 0,2 milhão, referente à recuperação de INSS e venda de equipamentos. Desconsiderando os efeitos não recorrentes, o EBITDA do 2T21 totalizou R$ 147,0milhões, com margem EBITDA de 38,7% (+251,7% a/a).

A receita líquida da Santos Brasil (STBP3) aumentou 68,8% ao fim do 2TRI21.

O indicador cresceu de R$ 224,8 milhões para R$ 379,5 milhões.

Outros destaques da Santos Brasil (STBP3)

Houve trajetória consistente de crescimento dos volumes operados nas unidades operacionais, registrando o recorde histórico de movimentação de contêineres, com 337.183 unidades movimentadas (+31,3% a/a).

Ao longo do primeiro semestre de 2021, o Porto de Santos movimentou 1,47 milhão de contêineres, crescimento de 16% em relação ao primeiro semestre de 2020, que, por sua vez, foi afetado pela pandemia nas operações de importação e cabotagem, principalmente.

Houve melhora do mix de cargas, com incremento na movimentação consolidada de contêineres cheios (+40,9% a/a), e aumento do ticket médio por contêiner nas operações de cais do Tecon Santos, impulsionado pela renegociação de contratos com clientes armadores.

O Capex atingiu R$ 58,5 milhões no 2T21, dos quais R$ 56,9 milhões foram alocados no Tecon Santos, em continuidade ao projeto de expansão de capacidade e modernização do terminal.

A Santos Brasil encerrou o 2T21 com R$ 1,1bilhãode posição de caixa e aplicações financeiras, o que representa um caixa líquido de R$ 688,2 milhões, descontando-se a dívida bruta.

Cases da Bolsa

Aprenda análise fundamentalista de ações na prática, com maiores cases já criados na B3