ONS: carga no sistema deve ter alta de 4,5% na comparação anual

Paulo Amaral
Jornalismo é meu sobrenome: 20 anos de estrada, com passagens por grandes veículos da mídia nacional: Portal R7, UOL Carros, HuffPost Brasil, Gazeta Esportiva.com, Agora São Paulo, PSN.com e Editora Escala, entre outros.
1

Crédito: Pixabay

Para a semana dos dias 5 a 11 de dezembro, o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) prevê um Custo Marginal de Operação (CMO) equiparado em R$ 214,75 em três dos subsistemas, e o Nordeste registra R$ 199,77.

Conforme o boletim, a redução é de cerca de 71% no CMO no Norte, Sudeste e Centro-Oeste, e no Nordeste, cerca de R$ 73%, em relação à semana operativa anterior.

Dessa forma, é prevista alta de 4,5% de carga no SIN, na comparação com dezembro de 2019.

Conquiste sua Independência Financeira. Conheça os 4 Pilares para Investir

Nos destaques da expansão do consumo estão Sudeste e Norte, com altas estimadas de 6,3% e 6,2%, com 41.1816MW e 5.970MW médios, respectivamente.

Já o Sul deve ter alta de 2,4% e 12.259 MW médios, enquanto o Nordeste redução de 0,2% com 11.735 MW médios.

“Os dados de carga de energia previstos o mês de dezembro indicam a manutenção da trajetória de recuperação que vem sendo observada desde o mês de junho de 2020”, aponta o boletim.

Ainda conforme o documento, a indústria vem operando acima do usual nos últimos meses e “para as projeções foi considerada a continuidade desse comportamento”.

Em termos de meteorologia, as sinalizações às capitais do subsistema Sudeste/Centro-Oeste é de ocorrência de temperaturas mais amenas, com expectativa de ocorrência de nebulosidade e precipitação, principalmente no Rio de Janeiro e em São Paulo.

Para o subsistema Sul, são esperadas temperaturas estáveis em Porto Alegre, enquanto para Florianópolis e Curitiba, há previsão de declínios das temperaturas em relação as ocorridas nesta semana.

Já nos subsistemas Nordeste e Norte, são esperadas temperaturas elevadas, típicas para essa época do ano.

Sobre as afluências, para o subsistema Sul, estão previstas chuvas acima da média para a semana de 5 a 11 de dezembro, chegando a 173% da MLT.

Para o Norte, a sinalização é de 52% da MLT. Em seguida aparecem o Sudeste e Nordeste, com projeção de 49% da MLT.

O documento indica ainda que os volumes dos reservatórios, em 31 de dezembro, deverão atingir 44,3% no Nordeste; 20,5% no Norte; 17,6% no Sudeste/Centro-Oeste e 23,8% no Sul.