GetNinjas (NINJ3) fecha com recuo de 3,75% em estreia na bolsa de valores

Victória Anhesini
Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie
1

Crédito: Reprodução GetNinjas

A plataforma digital de profissionais autônomos GetNinjas (NINJ3) estreou na bolsa de valores nesta segunda-feira (17). No fechamento do pregão, os papéis caíram 3,75%, negociados a R$ 19,25.

A precificação da oferta inicial de ações (IPO) ficou a R$ 20 por papel, abaixo da faixa indicativa definida anteriormente, que ia de R$ 24,90 a R$ 33,50 por papel. A operação movimentou cerca de R$ 555 milhões.

Simule seus investimentos com um especialista e confira as melhores opções de acordo com seu perfil

Acionistas da companhia, que incluíam Saint-Gobain, Tiger Global, Monashees e KV GN Holdings, além dos empresários Evan Feinberg e Eduardo Orlando L’Hotellier, venderam o equivalente a R$ 233 milhões na operação.

Além disso, a GetNinjas captou R$ 321,3 milhões com a venda de ações novas. Os recursos devem ser usados para investir em marketing, contratar pessoas e reforçar o caixa.

A oferta foi realizada pelas gestoras Verde, Miles Capital e Indie Capital.

Sobre a GetNinjas (NINJ3)

Criada em 2011, a GetNinjas é uma plataforma para conectar profissionais de diversas qualificações a potenciais clientes. Conforme a empresa, o aplicativo está disponível em todas as plataformas móveis e digitais, em todos o Brasil.

Os profissionais oferecem seus serviços mediante a compra de pacote de moedas virtuais para uso exclusivo na plataforma. Desta forma, há compra de ordens de serviços, ou leads, dos clientes cadastrados.

Em 31 de dezembro de 2020, ela tinha o cadastro de cerca de 2,1 milhões de profissionais, distribuídos em mais de 500 diferentes categorias.

Cases da Bolsa

Aprenda análise fundamentalista de ações na prática, com maiores cases já criados na B3