Pesquisa Mensal de Serviços (PMS): conheça mais sobre esse indicador

Ana Paula Schuster
Colaborador do Torcedores
1

A Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) é uma análise que envolve uma série de dados e indicadores para mostrar o desempenho do setor terciário no Brasil. Uma vez que este compõe a maior parte do PIB, é crucial entender seu funcionamento na economia.

Provavelmente você que está lendo este artigo trabalha no setor de serviços ou indústrias. Sendo assim, é necessário entender o que o PMS mostra sobre a sua vida e o trabalho. Tudo o que é analisado aqui tem impacto direto na sua vida pessoal.

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, saiba quais são as melhores atitudes e aplicações para multiplicá-lo

O que é a Pesquisa Mensal de Serviços

A Pesquisa Mensal de Serviços mostra diversos dados sobre o desempenho do terceiro setor brasileiro. São levadas em conta todas as empresas de serviços não financeiros, educacionais e de saúde, desde que possuam CNPJ e pelo menos 20 funcionários.

Dentro dessa pesquisa, há subdivisões para obter mais especificidade nos resultados. Entre elas, estão:

  • Serviços prestados às famílias;
  • Serviços de informação e comunicação;
  • Profissionais(técnico-profissionais), administrativos e complementares;
  • Transportes e correios.

Devido à pandemia da Covid-19, várias empresas passaram por dificuldades devido às restrições de funcionamento. Ainda assim, em fevereiro de 2021, houve uma alta de 3,7% no setor de serviços em relação a janeiro.

A metodologia utilizada na Pesquisa Mensal de Serviços

A metodologia se baseia em pesquisas probabilísticas, nas quais os índices de receita nominal e de volume são levados em conta. Mesmo porque, o foco da Pesquisa Mensal de Serviços é investigar a renda bruta de serviços das empresas formais.

É importante ressaltar que tanto a inflação como os feriados são fatores importantes, pois afetam diretamente a procura por serviços. Isso porque, a variação de preços em geral junto com os dias em que as pessoas “não trabalham” influenciam diretamente no resultado.

A coleta de dados é feita por meio de um questionário do próprio IBGE. Em seguida, são criadas três divisões chamadas de estratos. São eles:

  • Gerencial: empresas que atuam em mais de uma Unidade Federativa;
  • Certo: grandes empresas que atuam em uma única Unidade Federativa;
  • Amostrado: pequenas e médias empresas que atuam em uma única Unidade Federativa.

O objetivo desta classificação é associar aspectos populacionais com a renda bruta variável das empresas de serviços. Assim, os índices da Pesquisa Mensal de Serviços são construídos com base nos resultados das pesquisas sobre essas amostras.

Principais variáveis

Para fazer os cálculos econômicos e estatísticos de cada setor, existem algumas variáveis e índices envolvidos. São estes:

  • Receita bruta de serviços prestados;
  • Índices de base fixa nominal e de volume;
  • Índices do mês/mesmo mês do ano anterior;
  • Índices acumulados no ano nominal e de volume;
  • Índices acumulados no trimestre nominal e de volume.

A Pesquisa Mensal de Serviços, portanto, precisa analisar vários indicadores para mostrar o desempenho econômico do terceiro setor.

A relevância da Pesquisa Mensal de Serviços para o mercado

Como essa pesquisa é feita mensalmente, há bastante precisão para indicar o comportamento conjuntural do setor de serviços no Brasil. Isto é, o seu desempenho é sempre avaliado, junto com seu impacto na economia brasileira.

Impacto da pandemia

O gerente de pesquisas do IBGE Rodrigo Lobo diz que o contexto atípico da pandemia pode levar a “uma quebra estrutural importante do próprio modelo de ajuste sazonal”. Isto é, a PMS pode não trazer dados suficientes para avaliar o momento atual do setor de serviços.

A Pesquisa Mensal de Serviços com ajuste sazonal consiste em comparar os dados do mês com o mês anterior. Para obter maior precisão, fatores como a inflação e eventos específicos são levados em conta.

Apesar de tudo, é recomendável questionar alguns resultados na pandemia. Por exemplo: em julho de 2020, houve 3,9% de queda nos serviços à família. Contudo, como era um período de maior flexibilização social, deveria haver um aumento nesse indicador.

A retomada do setor terciário

Devido ao risco de contágios e restrições durante a pandemia, o setor terciário possui dificuldades para se manter. Entre junho e dezembro de 2020, foram recuperados apenas 80% das perdas nos três primeiros meses de quarentena.

Em um ano, o setor de serviço às famílias foi o mais afetado, com queda de 35,6%, de acordo com a Pesquisa Mensal de Serviços. Por isso, a vacinação em massa e a retomada do comércio é crucial para a resolução de questões sociais como fome e pobreza.

A importância da Pesquisa Mensal de Serviços e do terceiro setor na sociedade

A Pesquisa Mensal de Serviços mostra que o setor é responsável por mais da metade do PIB brasileiro. Além disso, contribui para a melhora do desempenho da indústria e manufatura. Não é à toa que estas são as áreas que mais geram emprego no país.

Importante ressaltar também que os serviços são o principal destino dos investimentos estrangeiros no país. Assim, torna-se o principal meio da globalização em relação à geração de empregos, principalmente em empresas estrangeiras.

Segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), do IBGE, a taxa de desemprego em 2012 ficou em 6,7%, contra 10,2% em 2003. Isso mostra a importância do setor terciário para dar dinâmica para a economia brasileira nos últimos anos.

Em 2013, dois anos após a criação da Pesquisa Mensal de Serviços, houve um crescimento de 8,3% do setor. Nesse mesmo ano, as vendas do varejo também aumentaram em 4,3%, mostrando a importância do comércio na economia.

Diante de um cenário de pandemia, a vacinação é crucial para o terceiro setor. Afinal, o tombo do setor foi de 7,8% em 2020. Logo, a imunização em massa é necessária para evitar novos fechamentos e retomar a economia.

Origem da Pesquisa Mensal de Serviços e o seu histórico

A Pesquisa Mensal de Serviços foi iniciada em 2011 e apresenta dados sobre os serviços desde 2012. São considerados a renda bruta arrecadada em serviços, tendo a empresa como unidade de pesquisa principal.

Em 2017, houve uma revisão metodológica que atualizou as informações de 12.250 empresas a partir do estrato Certo e da Pesquisa Anual de Serviços (PIA), e até hoje mantém esse modelo.

O uso da Pesquisa Mensal de Serviços na economia e a sua importância

A Pesquisa Mensal de Serviços é fundamental para analisar o impacto dos serviços na economia brasileira. Até porque, o setor terciário é responsável pela maior parte do PIB e por mais da metade dos empregos atualmente.

Diversos indicadores são utilizados na metodologia de cálculo dos resultados. Afinal, o setor pode mostrar diferentes impactos se for analisado dentro de períodos distintos (mensal, trimestral ou anual), uma vez que é complexo e atende também ao setor industrial.

Portanto, essa pesquisa é importante para entender as complexidades do setor de serviços e analisar o seu crescimento ao longo do tempo. Além disso, saber como isso impacta na vida de cada cidadão é crucial para entender as demandas da sociedade.

Planilha de Ativos

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.