Warren Buffett desmente compra de IRB Brasil (IRBR3)

Carlos Henrique de S. e Silva
Carlos Henrique é especialista de investimentos certificado pelo CEA® e PQO®. Em sua trajetória esteve em grande instituições como o Banco Volkswagen, XP Investimentos e Banco Itaú. Atua como assessor de investimentos e paralelamente como redator do site EuQueroInvestir.com.
1

Crédito: Divulgação

Warren Buffett, bilionário que fez fortuna no mercado de ações, desmente compra de ações da resseguradora brasileira IRB Brasil: “não tenho, nunca tive, e não penso em ter”.

O Berkshire Hathaway Inc. divulgou nota ao final do pregão a fim de esclarecer que não houve nenhuma compra de participação da empresa brasileira IRB Brasil.

Simule seus investimentos com um especialista e confira as melhores opções de acordo com seu perfil

Ademais, o CEO do Berkshire, Warren Buffet, ainda complementou a nota: “não tenho, nunca tive, e não penso em ter” em entrevista ao Brazil Journal.

Fake News e IRB Brasil

Buffett ficou mundialmente famoso pelos sucessos que teve em seus trades. Dentre as aquisições mais famosas do investidor bilionário estão, sobretudo, as empresas de resseguro americanas.

A notícia equivocada vem após divulgação de nota da Broadcast que dizia: “O Berkshire Hathaway, do megainvestidor Warren Buffett, praticamente triplicou a fatia que detinha do IRB Brasil Re em fevereiro. Entre os dias 6 e 18…”.

Dessa forma, as ações IRBR3 chegaram a uma alta 9% com a notícia de posição da empresa de Buffett.

Contudo, a resseguradora brasileira já amarga desvalorização 28,11% somente em 2020 por consequência de análises da Squadra Investimentos afirmando dados financeiros incorretos no balanço da empresa.

A gestora Squadra Investimentos tem posição vendida na resseguradora.

LEIA MAIS:

Fundos de ações superam multimercados em 2019

Cases da Bolsa

Aprenda análise fundamentalista de ações na prática, com maiores cases já criados na B3