Vivara (VIVA3) reabre lojas; Usiminas (USIM5) e Santos Brasil (STBP3) anunciam dividendos

Felipe Moreira
Felipe Moreira é Graduado em Administração de empresas e pós-graduado em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 6 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Reprodução/Flickr

A Vivara informou nesta terça-feira (28) a reabertura gradual de lojas a partir de amanhã (29). A decisão foi tomada após a avaliação de riscos realizada por seu Comitê de Contingência.

A Companhia reforça que as reaberturas levarão em conta decisões governamentais dos municípios e que seguirá protocolos de prevenção e segurança, para preservar a saúde de todos.

Segundo a Vivara, a operação da fábrica, localizada em Manaus segue paralisada, sem prejuízo da operação de varejo, tendo em vista que os produtos acabados foram direcionados para o centro de distribuição de São Paulo, garantindo, desta forma, o estoque necessário para reposição das lojas.

Por fim, a companhia afirmou que continuará acompanhando os desdobramentos, bem como monitorando a situação das lojas reabertas, podendo rever ou ampliar a decisão de forma diligente e segura.

Usiminas (USIM5) distribuirá R$ 50,7 mi em dividendos

A Usiminas (USIM5) aprovou nesta terça-feira (28) o pagamento de dividendos no montante de R$ 50,7 milhões, o equivalente a R$ 0,039500336 por ação ordinária e R$0,043450369 por ação preferencial.

O pagamento será efetuado no dia 29 de maio de 2020 aos acionistas titulares de ações de emissão da companhia na data base de 28 de abril de 2020.

A partir do dia 29 de abril de 2020 as ações de emissão da Usiminas passarão a ser negociadas “ex-dividendos”.

Santos Brasil (STBP3) aprova pagamento de dividendos

A Santos Brasil ( STBP3) aprovou a distribuição de dividendos no montante de R$ 11,7 milhões, o correspondente a R$ 0,017499954 por ação ordinária da companhia.

O valor referente ao provento será creditado no dia 12 de maio de 2020.

A data base para pagamento dos dividendos é 04 de maior de 2020. A partir de 05 de maior as ações serão negociadas “ex-dividendos”.

LEIA MAIS

Santander Brasil (SANB11) lucra R$ 3,8 bi no 1TRI20, alta de 10,5%

Neoenergia (NEOE3) lucra 17% a mais no 1TRI20 e chega a R$ 577 mi