EUA: Vendas no varejo surpreendem positivamente

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: Crédito: EUA/Freepik/Divulgação

As vendas no varejo dos Estados Unidos, divulgadas nesta sexta-feira (15) pelo Census Bureau, surpreenderam positivamente, subindo 0,7%, quando a projeção era recuo de 0,2%.

O total de vendas foi de US$ 625,4 bilhões, aumento de 0,7% em relação a agosto, quando registraram US$ 620,9 bilhões.

Em relação a setembro de 2020, a alta é de 13,9%.

As vendas totais para o período de julho de 2021 a setembro de 2021 aumentaram 14,9% em relação a igual período de 2020.

O comércio varejista teve alta de 0,8% na comparação mensal. As vendas em postos de gasolina subiram 1,6% e em locais de alimentos e bebidas, 3,7%.

Vendas no varejo EUA

Reprodução/Census Bureau