Vendas no varejo sobem 0,6% em novembro; no ano têm alta de 1,7%

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: Reprodução/Pixabay

Em novembro de 2019, o volume de vendas do comércio varejista avançou 0,6% na comparação com outubro, sendo a sétima taxa positiva consecutiva na avaliação sem ajuste sazonal. Os dados da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) foram publicados nesta quarta, 15, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O índice de média móvel trimestral, após acréscimo de 0,4% no trimestre encerrado em outubro, aumentou 0,5% no trimestre encerrado em novembro.

Na comparação com novembro de 2018, o comércio avançou 2,9%, oitava taxa positiva seguida nessa comparação.

De janeiro a novembro de 2019, o acumulado é de 1,7% de crescimento.

O volume de vendas do comércio varejista ampliado, que inclui as atividades de Veículos, motos, partes e peças e de Material de construção, registrou queda de 0,5% em relação a outubro de 2019, interrompendo sequência de oito meses de crescimento contínuo. Na comparação anual, o avanço é de 3,8%.

Desempenho por grupo de atividade

Destaque para as vendas no grupo Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo, e Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos e de perfumaria. Confira na tabela o desempenho por grupo de atividade.