ConocoPhillips (COPH34): saiba como investir na petrolífera americana

Ana Paula Schuster
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: ConocoPhillips (COPH34)

Conheça neste artigo uma das maiores exportadoras de petróleo, a ConocoPhillips (CPH34), que é responsável pela produção e transporte de derivados do petróleo. Saiba também como é possível investir na empresa através do Brazilian Depositary Receipts (BDRs) da bolsa brasileira.

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, o que amplia o desafio de busca pelas melhores aplicações para multiplicá-lo

Apresentação da empresa: o que é a ConocoPhillips?

A ConocoPhillips (COPH34) é uma companhia norte-americana, que trabalha com a exploração de petróleo e gás natural. Ela também produz e transporta químicos e plásticos. Sua sede fica em Houston, no Texas.

Acesse esse material especial para avaliar resultados, performance e dividendos dos melhores FIIs no mercado.

Sua criação data de 30 de agosto de 2002, a partir da fusão entre a Conoco Inc. e a Phillips Petroleum Company. Atualmente, ela está entre as maiores exploradoras e produtoras do mundo de petróleo, estando presente no ranking da revista Fortune Global 500.

A empresa ConocoPhillips atua no segmento de exploração, transporte e também na comercialização, trabalha com petróleo bruto, gás natural e betume. Além disso, atuando nas seguintes localidades:

Você sabia que algumas das maiores oportunidades de ganhos da bolsa estão nas Small Caps? Quer saber mais sobre essas ações e como investir? 

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.

  • Alasca;
  • EUA;
  • Canadá;
  • Europa;
  • Norte da África;
  • Ásia;
  • Oriente Médio.

Valorização dos BDRs: ConocoPhillips (COPH34)

No gráfico acima, podemos observar uma pequena evolução do valor dos BDRs da COPH34. Onde as mesmas apresentaram uma valorização de 89,86%. Em 8 de abril de 2020 os papéis custavam R$ 38. Na mesma data de 2021, estavam em R$ 72,15.

Como foi 2020 para a ConocoPhillips?

A ConocoPhillips (COPH34) reportou, no quarto trimestre de 2020, um prejuízo de US$ 800 milhões, ainda assim considerado positivo pelo mercado, que aguardava um resultado pior.

O lucro por ação foi 72 centavos. Comparativamente, no quarto trimestre de 2019, a empresa teve lucro de US$ 700 milhões, ou 65 centavos por ação.

A empresa não divulgou dados de receita, mas disse que a produção, excluindo Líbia, foi de 1,144 milhão de barris de petróleo equivalente por dia.

O orçamento para 2021 é de US$ 5,5 bilhões. Destes, US$ 5,1 bilhões serão usados para sustentar a produção atual. E US$ 400 milhões, para investimentos nos principais projetos, especialmente no Alasca.

O prejuízo total referente ao ano de 2020 foi de US$ 2,7 bilhões. – ante lucro de US$ 7,2 bilhões em 2019. Veja como foi o desempenho da ConocoPhillips:

  • Receita bruta: US$ 18,78 bilhões;
  • Lucro bruto: US$ 10,71 bilhões;
  • Dívida atual: US$ 5,366 bilhões;
  • Ebitda: US$ 3,901 bilhões;
  • Taxa de Dividend Yield: 3,21%;
  • Margem bruta: 33,85%;
  • Margem operacional: -10,7%;
  • Margem líquida: -14,17%;
  • Retorno sobre investimento: -4,4%.

Estratégia da ConocoPhillips (COPH34)

Em 2020, ConocoPhillips (COPH34) mudou suas estratégias para garantir um maior sucesso em seus negócios. Assim, contando com os seguintes pilares:

Alvos

Consiste em manter uma hierarquia de metas, que possuem uma “ambição” e um prazo. Sendo que a direção da empresa é responsável por esse objetivo. Além disso, também procura formas para diminuir a questão da emissão de metano no meio ambiente.

Criar opções de tecnologias

Por meio das tecnologias, a empresa visa a redução de gases poluentes. Visto que, por meio desse projeto a empresa cortará diversos custos desnecessários referentes à sustentabilidade. Assim, podendo focar em outros programas da mesma categoria.

Portfólio mais diversificado

O principal fator na hora de decidir o portfólio da empresa é o risco relacionado ao clima e ao meio ambiente. Por esse motivo, a empresa vem adotando medidas para que sejam feitos projetos com foco na diminuição das emissões de carbono.

Desempenho na crise: ConocoPhillips (COPH34)

A crise do Covid-19 trouxe alguns prejuízos para as empresas de petróleo, dado que houve uma queda bastante considerável na demanda por diesel e gasolina.

A ConocoPhillips também vem sentindo a pressão por parte de seus investidores. Devido a questões climáticas, a empresa entende que é necessário modificar seu modelo de negócios. Por isso, vem estudando alternativas limpas.

Origem e história da ConocoPhillips

A origem da ConocoPhillips (COPH34) ocorreu em 1875, na fundação da petrolífera Continental Oil and Transportation em Utah. Já em 1885, a companhia passa a ter seu controle por meio da Standard Oil.

No ano de 1909, a empresa abriu o seu primeiro posto para abastecimento de veículos. Entretanto, em 1913, a Continental Oil e a Standard se separaram. E foi criada a Marland Oil.

Em 1928, o J.P. Morgan adquire o controle da Marland. E, em 1929, a empresa se une à Continental Oil and Transportation Co, formando, então, a Conoco. Já em 2001 ocorreu a fusão com a Phillips, processo esse que só finalizou em 2002.

Em 2006, a ConocoPhillips comprou a refinaria de Wilhelmshaven, na Alemanha. Também adquiriu a Louis Dreyfus Refining and Marketing Limited, com sede no Reino Unido.

Vale a pena investir em BDRs como os da ConocoPhillips (COPH34)?

A vantagem de investir em BDRs como os da ConocoPhillips é a diversificação. Isto porque é um ativo vinculado ao dólar.

Além disso, o cenário atual é, ainda de pandemia, mas com boas perspectivas de retomada da economia mais fortemente a partir do terceiro trimestre, quando, acredita-se, a vacinação estará em um estágio mais avançado. Com o reaquecimento da economia, os papéis do petróleo tendem a subir.

O que é preciso fazer para investir na ConocoPhillips (COPH34)?

Para adquirir BDRs da ConocoPhillips (COPH34), o investidor precisa procurar um banco ou uma corretora de valores autorizados pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).