Vale (VALE3): BNDES confirma venda de debêntures

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: BNDES

A BNDES Participações confirmou nesta sexta-feira, 11, que pretende vender debêntures da Vale, conforme divulgado na imprensa ontem.

De acordo com comunicado, o BNDES, empresa pública da qual a BNDESPar é subsidiária integral, selecionou, no dia 28 de agosto, o Banco Bradesco BBI para figurar como coordenador líder nos trabalhos de potencial oferta pública secundária de até 214.329.063 debêntures participativas de emissão da Vale.

Praticidade e precisão, saiba quais melhores investimentos e como melhorar rentabilidade de suas ações

Desse montante, 141.727.784 são detidas pela União, e o restante detido pelo BNDES e pela BNDESPar, conforme consta no comunicado.

Formarão também o consórcio de coordenação os banco Citibank, JP Morgan e Itaú BBA.

A BNDESPar ressaltou, no entanto, que a realização da potencial transação ainda se encontra em estudos e depende de deliberações dos órgãos societários do BNDES e da BNDESPAR, assim como das condições de mercado existentes no momento do lançamento.

De acordo com reportagem da revista Veja, as debêntures que o BNDES possuem da Vele tem um valor esperado de R$ 2,5 bilhões.

As notas de crédito especial preveem o desenvolvimento conjunto de jazidas minerais inexploradas, e a participação proporcional em quaisquer benefícios financeiros obtidos a partir do desenvolvimento destes recursos.

Os papéis foram emitidos nos anos 1990 como forma de o governo se defender de um potencial negócio mal-sucedido no processo de privarização da companhia.

Dúvidas sobre como investir? Consulte nosso Simulador de Investimentos

Money Week 5ª Edição

5 Dias de Evento | 70 Autoridades do Mercado Financeiro | 20 Horas de Conteúdo