União indica novo presidente do IRB-BR (IRBR3)

Omar Salles
null
1

Crédito: Reproduçãp/IRB

O IRB-Brasil Resseguros (IRBR3) informou na noite de hoje que o governo federal indicou o executivo Antônio Cássio dos Santos para assumir a presidência do Conselho de Administração da empresa.

O executivo ocupará o cargo que foi exercido por Ivan de Souza, que se afastou da empresa há duas semanas por motivos pessoais.

Segundo o comunicado, Antônio Cássio dos Santos tem mais de 30 anos de experiência no mercado de seguradoras.

BDRs| Confira os papéis disponíveis para Investimentos

O executivo, nos últimos cinco anos, ocupou cargos no Conselho da Assicurazioni Generali S.p.A., que é a maior seguradora da Itália. Cássio dos Santos também era executivo-chefe da Generali para a América Latina e o Sul da Europa.

Na década de 2000, Cássio dos Santos presidiu a Mapfre Seguros S.A. e entre 2011 e 2014 foi dirigente para a América Latina e membro do Conselho da seguradora suíça Zurich Insurance Group.

Missão

O executivo chega ao IRB Brasil em um momento delicado para a empresa.

Os escândalos afetaram a imagem da resseguradora e derrubaram o valor das suas ações na B3. Desde o começo do ano, o papel do IRB BR perdeu pelo menos 30% do valor.

No começo de fevereiro, a corretora carioca Squadra publicou uma carta acusando o IRB de manipulação contábil em seus balanços.

A Squadra prosseguiu nas suas acusações, embora o IRB tenha negado irregularidades.

No dia 26 de fevereiro, o executivo Ivan de Souza pediu demissão da presidência do Conselho.

No dia seguinte, o executivo-chefe do IRB, José Carlos Cardoso, e o chefe financeiro de operações, Fernando Passos, disseram em uma conferência que o mega investidor Warren Buffett havia comprado uma participação no IRB.

Buffett negou ter comprado e ter a intenção de comprar parte da empresa. Os executivos foram demitidos.

Analistas de mercado avaliam que a nova missão dos executivos que chegam ao IRB será o resgate da credibilidade da empresa.