Uber encerra serviços na Colômbia

Paula Soares Amador
Colaboradora EQI

A empresa Uber encerrou seus serviços na Colômbia, o anúncio foi feito no último dia 10. A empresa de transportes tomou esta atitude como resposta de uma decição contrária a Justiça do País. Em Dezembro do ano passado, um juiz da Colômbia suspendeu os serviços do aplicativo acatando o pedido de uma empresa da Táxis. A justificativa era que a Uber estava violando regras de competição

A Uber divulgou que estava recorrendo  da decisão e que a julga “surpreendente” e “arbitrária”. O serviço será interrompido na Colômbia a aprtir do dia 1º de Fevereiro.

Atuar novamente

Apesar de todo ocorrido, a Uber emitiu sinais de que ainda tem a intenção de atuar no país. No Twitter foi escrito pela empresa a seguinte frase: “adeus… espero vê-lo em breve”. O Uber Eats, que é o serviço de delivery de comida, continuará funcionando normalmente.

Na Colômbia, a utilização de táxi é considerada como um oportunidade de possíveis crimes como, assaltos e sequestros, colocando assim, a vida dis usuárioas em perigo. Esse fato serviu para impulssionar o crescimento da Uber, que informa ter 2 milhões de consumidores e 88 mil motoristas no país.