Tupy (TUPY3) tem prejuízo 92,8% menor no balanço do 1TRI21

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Tüpy

A Tupy (TUPY3) reportou prejuízo de R$ 14,9 milhões no balanço do primeiro trimestre (1TRI21). Os números refletem uma queda de 92,8% no prejuízo quando comparado ao mesmo período de 2020.

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, o que amplia o desafio de busca pelas melhores aplicações para multiplicá-lo

Segundo a companhia, o prejuízo se deu em função de despesas financeiras não recorrentes, no valor de R$ 58 milhões, relacionadas ao resgate antecipado de dívida com vencimento em 2024.

Acesse esse material especial para avaliar resultados, performance e dividendos dos melhores FIIs no mercado.

Veja o balanço na íntegra

Tupy (TUPY3): principais números do balanço do 1TRI21

Resultado líquido

  • Prejuízo 1TRI21: R$ 14,9 mi
  • Prejuízo 1TRI20: R$ 207,51 mi

Ebitda

  • Ebitda 1TRI21: R$ 172,63 mi
  • Ebitda 1TRI20: R$ 115,93 mi
  • Ebitda ajustado 1TRI21: R$ 199,06 mi
  • Ebitda ajustado 1TRI20: R$ 164,56 mi

Receita sobe 41,3%

No balanço do 1TRI21, a Tupy (TUPY3) registrou uma receita de R$ 1,54 bilhão, alta de 41,3% sobre o mesmo período do ano passado.

Você sabia que algumas das maiores oportunidades de ganhos da bolsa estão nas Small Caps? Quer saber mais sobre essas ações e como investir? 

Essa foi a maior receita líquida na história da Companhia, decorrente do aumento dos volumes, desvalorização cambial e repasse de custos com materiais.

Quer começar o dia bem-informado com as notícias que vão impactar o seu bolso? Clique aqui e assine a newsletter EQI HOJE!

No referido trimestre 66% das receitas tiveram origem na América do Norte. Por sua vez, as Américas do Sul e Central representaram 18% e a Europa, 12%. Os demais 4% provieram da Ásia, África e Oceania.

O lucro bruto, no valor de R$ 240 milhões, também representou o maior valor da história da Tupy (TUPY3) para um primeiro trimestre.

Ebitda avança 48,9%

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) no balanço do 1TRI21 avançou 48,9%, atingindo R$ 172,63 milhões.

Ao mesmo tempo, a margem Ebitda passou de 10,6% no 1TRI20 para 11,2% um ano depois.

De acordo com a Tupy (TUPY3), o Ebitda ajustado no período atingiu R$ 199 milhões, maior valor da história para um primeiro trimestre, refletindo diversas ações de ganhos de eficiência. A margem Ebitda ajustado foi de 12,9% no balanço do 1TRI21.

Resultado Financeiro

A Tupy (TUPY3) informou que no balanço do 1TRI21 as despesas financeiras totalizaram R$ 92,83 milhões, enquanto as receitas financeiras foram de R$ 3,93 milhões e as variações monetárias registraram R$ 30,1 milhões no período.

Dessa forma, o resultado financeiro líquido foi uma despesa de R$ 59 milhões, ante despesa de R$ 218 milhões no 1T20.

Custo dos Produtos Vendidos

O custo dos produtos vendidos (CPV) no balanço do 1T21 totalizou R$ 1,304 bilhão, montante 45% superior ao observado no 1T20.

“Este trimestre foi caracterizado pelo aumento significativo de custos com matérias-primas, tanto em relação ao 4T20 quanto ao mesmo período do ano anterior. Sendo que, em alguns casos, houve uma variação superior a 80% nos últimos 12 meses”, informou a empresa.

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.