Trump propõe cortar financiamento da transportadora Amtrak

Daniele Andrade
Jornalista formada pela Universidade Positivo, pós-graduada em Mídias Digitais. Atualmente cursa bacharel em História. Gosta de produzir reportagens sobre política tanto nacional quanto internacional, economia e tecnologia.
1

Crédito: Gage Skidmore / Flickr

Na segunda-feira (10), a Casa Branca divulgou seu orçamento, o qual mostrou a proposta de cortar o financiamento para a transportadora ferroviária estatal, Amtrak. Ao mesmo tempo em que pedia um aumento nos gastos com infraestrutura e acabava com um programa de empréstimo de energia limpa. Segundo informações de uma reportagem da Reuters.

A proposta iria reduzir os fundos da Amtraik, em mais de 50% em relação a 2020, para o ano de 2021. Seria cortado os fundos para o corredor congestionado, do nordeste de US$ 700 milhões para US$ 325 milhões. Além dos fundos de trens de longas distâncias, que seriam de US$ 1,3 bilhões e passaria para US$ 611 milhões. Após a redução, haveria a suspensão ao apoio de trens de longa distância da Amtrak.

É muito provável que os democratas não concordem com a proposta de Trump. Devido a ser semelhante aos cortes que foram rejeitados em orçamentos propostos pelo governo anteriormente. 

BDRs. Alternativas para investir no exterior diretamente da bolsa brasileira

O orçamento de Donald Trump exige US$ 810 bilhões em fundos de rodovias, trânsitos, segurança e outros transporte de superfície. Além de US$190 bilhões adicionais para outros projetos. Junto a questão das rodovias, Trump também pede a eliminação de um programa de empréstimo para veículos limpos.

Realizado pelo Departamento de Energia, esse que foi o responsável por impulsionar a Tesla. Junto a Nissan Motor e Ford Motor Co na última crise do setor. Mas que até o momento, não financiou um novo projeto. É previsto ainda, que o orçamento acabe com o crédito tributário de US$ 7.500 para os veículos elétricos.

No mês de dezembro, de 2019, a Casa Branca realizou um bloqueio pelos democratas do Congresso. Com o objetivo de tentar expandir o crédito.