Trump admite que epidemia é grave: “É ruim, muito ruim”

Omar Salles
null
1

Crédito: Reprodução/Twitter

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, admitiu na noite desta segunda-feira (23) que a epidemia do coronavírus é grave no seu país.

“É ruim, muito ruim e vai piorar. Nossa missão é fazer com que não piore tanto”, afirmou Trump, em resposta a um repórter que lhe perguntou se sabia que o Covid-19 está se alastrando pelos EUA.

Trump disse que os EUA estão passando por um “imenso processo de aprendizagem” com a epidemia e vencerão a luta contra o vírus.

“Nós temos um grupo muito talentoso de pessoas trabalhando na nossa força-tarefa. A nossa responsabilidade é imensa” disse Trump.

Segundo ele, milhões de empregos estão em jogo, além das vidas dos americanos.

“Nós precisamos abrir o nosso país e vamos fazer isso. Não posso dizer se faremos isso em semanas. Eu espero que seja em semanas”, afirmou.

Governadores

Trump descartou quarentenas compulsórias. “Cada região, cada cidade tem a sua dinâmica da epidemia. Em Nova York está acontecendo isso”, afirmou.

“Existem áreas de Nova York que não podem ser fechadas. Não posso fechar a Bolsa de Valores, não posso fechar o Nasdaq”, disse.

“Esta inclusive é uma decisão dos governadores. Estão fechando áreas na Califórnia, em Nova York. E elas serão reabertas. Esta é uma decisão dos governadores”, disse Trump.

“Se o governador Cuomo decide fechar uma parte de Nova York, é uma decisão dele. Isto os governadores decidem”, afirmou, referindo-se ao governador do Estado de Nova York, Andrew Cuomo.

Mais Casos

Os EUA registraram um forte crescimento nos casos do Covid-19 no final de semana passado. O país tem hoje 41 mil pessoas infectadas pelo Covid-19, atrás apenas da Itália e da China.

Mais cedo nesta segunda-feira, Trump causou polêmica ao dizer que “a cura não pode ser pior que a epidemia”. Ele se referia ao pesado custo das perdas econômicas nos EUA.

Covid no mundo em 30 dias

trump-covid-2-2303

Fonte: TradingView

Veja os países mais afetados

No topo dos países e em fases distintas estão a China – que teve o número de casos estabilizados – e a Itália, com o maior número de mortes e onde o total de confirmados ainda dispara.

China e Itália

trump-covid-3

Fonte: TradingView

Irã e Espanha

Os dois países estão ainda estágio de crescimento do total de casos confirmados. O Irã tem uma proporção maior de mortos em relação a Espanha, o segundo país europeu com mais casos.

trump-covid-4

Fonte: TradingView

Alemanha e Estados Unidos

Enquanto os Estados Unidos vêm enfrentando um crescimento exponencial, com consequências econômicas dramáticas, sobre a economia, a Alemanha se destaca no combate com o menor número proporcionalmente de óbitos.

trump-covid-5

Fonte: TradingView


Aproveite as oportunidades e aumente a rentabilidade dos seus investimentos.

Preencha seus dados abaixo e conte com especialistas para ajudar.

Se preferir, ligue direto para 4007-2374