Triunfo (TPIS3) informa suspensão do processo de caducidade de Viracopos

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Unsplash

A Triunfo Participações e Investimentos S.A. (TPIS3) comunicou em fato relevante que foi proferida decisão pelo presidente do Superior Tribunal de Justiça, a qual suspendeu o processo de caducidade e as multas administrativas impostas pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) em relação à controlada em conjunto Aeroportos Brasil Viracopos S.A. 

Entenda o caso

A Triunfo, era uma das acionistas da Aeroportos Brasil Viracopos (ABV), responsável pela concessão do Aeroporto Internacional de Campinas.  

Abra agora sua conta na EQI Investimentos e tenha acesso a opções de investimentos de acordo com seu perfil. Invista em suas Escolhas

Em julho de 2019, a Triunfo entrou com pedido de recuperação extrajudicial e revelou dívidas no montante de R$ 2,5 bilhões. Em meio a essa grave situação financeira a Companhia decidiu relicitar o projeto, devolvendo-o ao governo.

Ao mesmo tempo, a Triunfo suspendeu o pagamento referente a parcelas da outorga e acionou a seguradora Swiss Re, que efetuou o pagamento de R$ 149,8 milhões referente à parcela da contribuição fixa de outorga de 2016, à Agência Nacional de Aviação Civil.

Sobre a Triunfo

A Triunfo Participações e Investimentos S.A. (TPIS3) é uma das principais empresas brasileiras do setor de infraestrutura, com forte atuação nos segmentos de concessões rodoviárias, aeroportuária e geração de energia. 

Listada desde 2007 no Novo Mercado, o mais alto nível de governança corporativa da B3, a Triunfo baseia sua estratégia de crescimento na diversificação de seu portfólio, através de projetos bem estruturados com foco na geração de valor aos acionistas.