Tipos de Fundos Multimercado

Se você leu o nosso artigo “investir em fundo multimercado vale a pena?”, e agora quer começar a investir, é muito importante conhecer os tipos de fundos multimercados. Isso porque, apenas dessa forma você saberá exatamente quais estratégias são as mais eficazes para garantir que o seu capital seja bem investido e, com isso, você obtenha bons rendimentos no futuro.

André Arantes
André Arantes é entusiasta do mercado financeiro, acredita que através da informação transparente e posta de forma didática pode mudar a qualidade de vida dos investidores. Sócio do EuQueroInvestir.com, está esperando seu contato no email andre.arantes@euqueroinvestir.com ou no whatsapp 48-99989-4567.
img-capa

Foto: img-capa

Como investidor, você deve saber que não se consegue resultados apenas contando com o fator sorte.sorte-multimercado

É necessário um plano de ação e conhecimento para analisar a situação e saber o próximo passo a ser dado.

Pensando nisso, mostrarei nesse artigo, os principais fundos multimercados que você pode investir sem medo de estar ingressando em um mercado que possa colocar o seu capital em risco.

Confira!

Tipos de fundos multimercados

Existem vários tipos de fundos multimercados, cada um deles possuem estratégias próprias que os tornam mais adequados para diferentes perfis de investidor. Para irmos da teoria à prática, primeiro explicarei cada estratégia e ao final colocarei um exemplo de cada tipo de estratégia para o leitor ter ideia do seu comportamento:

  • Fundo multimercado Macro

Este é um dos tipos de fundos multimercados mais utilizados atualmente, que trabalha com vários ativos diferentes, tais como: cambio, renda variável, entre outros. Nesse caso, as estratégias de aplicação são baseadas na antecipação dos movimentos macroeconômicos de médio e longo prazo.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

Resumindo, as decisões de investimento desse fundo, são fundamentadas em uma análise profunda de risco e retorno, que leva em consideração os movimentos macroeconômicos, como também a situação dos ativos.

Exemplo: Adam XP Macro

  • Fundo multimercado Trading

Categoria de multimercado que também trabalha com várias classes de ativos. Contudo, o grande diferencial do trading, é que os ganhos são baseados nas movimentações de curto prazo no mercado.

Por isso, se você deseja investir em um fundo que “não se preocupa com o amanhã”, esta é uma das opções de investimento que você deve considerar.

Exemplo: Rio Absoluto

  • Long and Short Direcional

Esse é um dos tipos de fundos multimercados que atua em renda variável de modo relativo. Para simplificar vamos tratar renda variável como ações da bolsa de valores. Como assim “relativo”? Ele aposta em duas frentes de mercado, a primeira “long” comprado em ações que está otimista e a segunda “short”, aposta na baixa de ações que está mais pessimista.

Quando o fundo long and short é direcional, ele está dando um peso maior em uma dessas direções. Ao primeiro olhar pode parecer complicado, mas vamos pensar que o cenário é favorável ao consumo local e desfavorável às exportações.

O gestor desse fundo compra R$ 50 milhões de ações do varejo, como Lojas Americanas e vende R$ 40 milhões de ações exportadoras, como Suzano. Supondo que sua análise está correta e a bolsa foi positiva, qual será o resultado?

Simulando que as ações do varejo subiram 10%, o fundo passou a ter R$ 55 milhões nessa posição (+ R$ 5 milhões) e as ações exportadoras também subiram, porque a bolsa foi positiva, mas se valorizaram apenas 3% (- R$1,2 milhões). O fundo agora possui um lucro total de 5 – 1,2 = R$ 3,8 milhões. Supondo que o fundo tinha R$ 100 milhões, o resultado do período do fundo foi de 3,8%, uma excelente rentabilidade!

Exemplo: Claritas Long Short

Veja também: 5 motivos para você ter um assessor de investimentos

  • Long and Short Neutro

A dinâmica do fundo multimercado long and short neutro é a mesma da opção anterior. Contudo, o objetivo aqui é conseguir com que o investidor fique em uma posição neutra na balança entre as posições “long” (compradas) e “short” (vendidas).

Teoricamente, suas características fazem deste fundo multimercado uma opção um pouco mais conservadora do que o direcional. Pois aqui fica-se isento da necessidade de acertar o peso da balança para alguns lados e preocupa-se só em qual setor será melhor que o outro.

Uma observação importante é que as compras e vendas além de serem entre setores também podem ser entre empresas do mesmo setor. Se o gestor do fundo acredita que dentro do setor bancário um irá performar melhor do que o outro, é possível fazer long and short intra-setorial.

Exemplo: Ibiuna Long Short

  • Juros e Moeda

Nessa alternativa, os retornos são obtidos através de ativos ligados a renda fixa, juros, índice de preço e moeda estrangeira.

Exemplo: JPM Multistrategy Rates and FX

  • Livre

Essa é a categoria que o gestor está livre para decidir o rumo a tomar, isso porque, ele não precisa se prender a uma estratégia específica. Com o fundo livre, é possível adaptar a abordagem para diferentes situações, o que favorece a sua aplicação e o alcance de bons resultados por diferentes perfis de investidores.

Exemplo: XP Long Biased

  • Capital Protegido

Nesse caso, o foco da estratégia são as abordagens dentro do mercado de risco. Contudo, o objetivo principal é proteger os principais valores investidos, até mesmo para assegurar o capital contra possíveis riscos de perda e assim, tranquilizar o investidor.

Uma alternativa a esse tipo de fundo que está sendo muito utilizadas são os COE´s.

Exemplo: XP Capital Protegido XV

  • Estratégia específica

O gestor determina a estratégia que ele irá atuar, os tipos mais conhecidos de estratégias são investimentos em commodities ou futuro de índices.

Exemplo: Absolute Alpha

  • Exterior

Como o próprio nome deixa claro é um fundo multimercado que tem como foco os ativos estrangeiros.  Nesse caso, a regra é que os ativos financeiros devem ter parcela de 40% do patrimônio líquido aplicado em ativos fora do país.

Atualmente, estes são os principais tipos de fundos multimercados que você pode investir. Como pode perceber, cada um deles apresenta seus riscos e vantagens.

Por conta disso, é muito importante conhecê-los e entendê-los de forma prévia, para que você consiga escolher aqueles que se encaixem melhor ao seu perfil de investidor.

Exemplo: JPMorgan Global Opportunities

Comparação de performance

Abaixo segue uma tabela comparativa com os exemplos elencados acima, somente a título de curiosidade. Cada estratégia tem inúmeros fundos com diferentes rentabilidades e risco de forma que não é promessa de rentabilidade futura!

Tabela de rentabilidade de fundos multimercado

Com os retornos acima, você pode observar o tamanho da oportunidade que tivemos para obter maiores retornos mesmo com o CDI em baixa, não é mesmo?

Dica de ferramenta: conheça o Comparador de Fundos, uma ferramenta para você acompanhar, comparar e conhecer o histórico de Fundos de Investimentos.

Cuidados ao se investir em diferentes tipos de fundos multimercados

Na hora de investir o seu capital, é muito importante que tome alguns cuidados.

É fundamental contar com algumas dicas e estratégias realmente eficazes, para garantir que a sua escolha de investimento seja a que vai lhe gerar o melhor rendimento possível dentro do risco que você aceita correr. Por isso, siga algumas dicas para garantir que isso aconteça:

  • Escolha fundos de gestores experientes, que tenha reputação e um histórico sólido;
  • Sempre fique por dentro de como anda o mercado, mesmo que as negociações fiquem a cargo do gestor;
  • Diversifique com sabedoria, entenda a correlação entre os diferentes fundos multimercados e como somar estratégias para balancear seu portfolio;
  • Ficaram dúvidas? Conte com minha ajuda, meus contatos estão no final do artigo!

Seguindo essas dicas simples, você verá que ficará mais fácil investir o seu capital. Tenha sempre em mente que todos os tipos de fundos multimercados oferecem vantagens e excelentes lucros.

Cabe a você, juntamente com o seu assessor de investimentos, estudar quais as melhores estratégias. Assim, será possível garantir excelentes rendimentos com as suas aplicações.

Gostou do post? Ficou com alguma dúvida sobre os tipos de fundos multimercados? Já sabe em quais estratégias pretende investir? Deixe o seu comentário e compartilhe conosco as suas dúvidas e decisões acerca desse assunto!