Poupança ou Tesouro Direto: onde devo investir?

André Arantes
null
1

Crédito: @Freepik / Freepik

Você ainda investe na poupança? Saiba porque migrar para o tesouro direto é ainda mais seguro que a poupança!

Quando pensamos em investir nosso dinheiro, a primeira ideia que vem à mente é a poupança. A facilidade de realizar uma aplicação aliada ao fato de não ser necessário investir uma grande quantia de dinheiro, tornou a poupança muito popular entre os brasileiros.

Entretanto, investir na poupança pode significar perder dinheiro. Porque ao subtrair o rendimento dela pela inflação você acabará perdendo poder de compra! Como alternativa mais segura e rentável ao famoso porquinho da poupança, temos o Tesouro Direto. Para entender melhor, vamos falar um pouco sobre cada investimento citado?

Caderneta de Poupança

O que é e como investir?

É um investimento simples e seguro. Muito utilizado por quem é novato no mercado financeiro e ainda não conhece outros produtos. O valor inicial de investimento varia de acordo com o banco escolhido. Normalmente, com qualquer valor você já pode começar a investir e as aplicações são realizadas através de depósitos ou transferências. Uma das vantagens da poupança é que o dinheiro pode ser retirado a qualquer momento sem custos, desde que não seja ultrapassada a quantidade de dois saques mensais. Embora isso possa significar perder a rentabilidade dos dias aplicados antes da poupança fazer “aniversário”. O aniversário da poupança é a data que de fato seu dinheiro cresce.

Segurança

A segurança da poupança é de até R$ 250 mil por instituição financeira. Ou seja, se o seu dinheiro está aplicado na caderneta e o banco vier a ter problemas, o FGC (Fundo Garantidor de Crédito) lhe garantirá até esse valor.

Títulos do Tesouro Direto

O que é e como investir?

Um investimento de renda fixa com rendimento superior a outros semelhantes, inclusive a poupança, possui baixos custos de manutenção. Além disso, o Imposto de Renda é cobrado somente no momento da venda, vencimento do título ou pagamento de cupom. O Tesouro Direto é uma espécie de título da dívida do país.

Por exemplo, o governo pega o dinheiro e devolve após certo período de tempo, isso o classifica como segurança máxima em termos de investimento pois possui o risco soberano. O investimento mínimo corresponde a 1% do valor do título, sendo que esse valor deve ser igual ou superior a R$30,00.

Tipos de títulos

A rentabilidade do investimento em Títulos de Tesouro Direto variam de acordo com cada modalidade:

Os Títulos Pós Fixados

São os títulos menos arriscados. Conhecidos como Tesouro Selic ou LFT (Letras Financeiras do Tesouro). Possuem rentabilidade calculada à partir da taxa Selic. Essa é a modalidade ideal para quem quer substituir a poupança, pois sua rentabilidade é superior. Enquanto a nova poupança paga 70% da Selic + TR, a LFT paga 100%.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

Os Títulos Pré Fixados

Aqui o investidor já sabe quanto vai ganhar no final do período. Por exemplo, o investidor fixa uma taxa de 8% ao ano para um prazo determinado. Ao final desse período será o rendimento já acordado no momento do investimento menos o imposto de renda.

Assim, esses são os títulos que mais estão sujeitos à variações nas taxas de juros, pois a totalidade da rentabilidade é definida no momento da compra. O títulos dessa modalidade disponíveis para investir ao acessar o site do tesouro direto são: Tesouro Prefixado e Tesouro Prefixado com juros semestrais.

Você investidor deve se atentar ao risco dos títulos pré fixados. Caso a taxa de juros oscile e você deseje sacar antes do vencimento do título, você pode perder dinheiro! Cuidado, esses títulos são os mais voláteis, não invista sem consultar um assessor de investimentos e entender muito bem.

Títulos Indexados à Inflação

Com risco de investimento mediano, o Tesouro IPCA+ NTN-B Principal e o Tesouro IPCA+ com juros semestrais (NTN-B), possuem uma parte da rentabilidade pré-fixada, ou seja, definida no momento da compra, e outra parte somada a inflação do período.

Esse tipo de título sofre alterações na rentabilidade de acordo com a taxa de juros e a expectativa. Quando o mercado passa a esperar juros mais elevados que os atuais, o ativo se desvaloriza. No momento em que essa mesma expectativa se inverte, o ativo se valoriza, embora com menos intensidade que o Tesouro Prefixado.

Entenda porque o Tesouro Direto vale mais a pena

O Tesouro Direto é um investimento mais seguro do que a poupança e a rentabilidade pode ser duas vezes superior, portanto, a melhor opção.

Já deu para entender como investir em títulos do Tesouro Direto é muito mais interessante do que manter o seu dinheiro na poupança, não é mesmo?

Ficou alguma dúvida ou deseja compartilhar sua experiência conosco? Entre em contato e tire suas dúvidas!

Esta é a função de um Assessor de Investimentos

Entender o investidor em uma profundidade maior do que o gerente do seu banco ou corretoras digitais e monitorar o mercado em busca de oportunidades que se enquadram em sua realidade, são atribuições do Assessor de Investimentos.

O papel dele é unir seus objetivos pessoas e profissionais, momento financeiro, perfil de investidor e avaliar o mercado para te apoiar com os investimentos que estiverem alinhados com seu momento.

Disponibilizo abaixo, a oportunidade de você realizar um diagnóstico e tirar todas as suas dúvidas sobre investimentos, conversando com um especialista no assunto.

 

O que fazer agora

O primeiro passo sempre será conhecer seus limites, sua tolerância a risco. Não entender seus próprios limites pode levá-lo a tomar as piores decisões com seus investimentos.

Por este motivo, sugerimos que todo investidor - experiente ou iniciante - conheça seu perfil. Se busca obter ganhos mais altos aceitando certa volatilidade ou se prefere maior segurança com retornos garantidos.

Entender mais profundamente o seu perfil como investidor e seus objetivos quanto a prazos de investimentos é uma tarefa um pouco mais sofisticada. É preciso considerar histórico como investidor, fatores pessoais e até profissionais que um teste da internet não considera.

Nossa equipe pode te ajudar a avaliar seu perfil de investidor.

O primeiro passo é uma conversa de 5 a 10 minutos com um membro da nossa equipe para levantar as primeiras informações e então agendar a conversa com um especialista no mercado de Investimentos.

É ele quem vai se aprofundar no seu histórico como investidor, seu momento de vida, seus planos futuros e então te indicar para produtos recomendados para seu perfil de investidor.

Confirme seus dados no formulário abaixo e nossa equipe vai entrar em contato com você para fazer a avaliação de seu perfil de investidor e bater com sua atual carteira de investimentos.