Telefônica (VVT4) deve ter alta e Tim (TIMS3) queda no lucro do 3TRI20

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 7 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Divulgação

As empresas do setor de telecomunicações devem ter resultados mistos no terceiro trimestre. Enquanto Telefônica (VIVT4) deve ter alta no lucro líquido, a previsão para TIM (TIMS3) é de queda.

Entretanto, ambas devem apresentar redução no lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação (Ebitda, na sigla em inglês) e na receita, mostrando que os efeitos da Covid-19 ainda aparecem nos resultados.

Conforme relatório do Safra, o balanço da Telefônica deverá ser beneficiado por menores despesas financeiras e provisões fiscais, o que vai impulsionar o aumento do lucro na comparação anual.

EmpreendedorismoTécnicas para Renda Fixa. Estratégias para proteção de investimentos.

Tudo isso hoje na MoneyWeek

Já para TIM, a instituição espera por um desempenho da linha do resultado financeiro mais fraco, que, junto com possíveis maiores provisões para IR, devem reduzir o seu lucro.

Vendas

Entre os principais impactos da pandemia estiveram a redução nas venda de aparelhos, de recargas e da atividade comercial, destaca a Eleven, em relatório.

Dessa forma, com a reabertura gradual de pontos de atendimentos físicos, as empresas deverão apresentar recuperação das receitas, acrescenta a Eleven.

“Nossa expectativa de resultados resilientes também conta com a continuação da expansão do FTTH (fiber to the home) e ganhos incrementais de eficiência operacional”, escreveu a analista Flávia Ozawa.

Já para o Banco Safra, as teles ainda sofrem efeitos da pandemia na receita, mas com recuperação no celular pós-pago adições.

No entanto, o Safra avalia que a TIM deve reportar um resultado mais forte, devido a um top line melhor e margem Ebitda dinâmica e forte.

Telefônica Brasil

A Eleven recomenda a compra de Telefônica com preço-alvo de R$ 58,00, enquanto o Safra travou o preço-alvo em R$ 56,00.

Para o lucro, a média das duas casas aponta para um resultado de R$ 1,13 bilhão, representando um aumento frente ao desempenho de R$ 965 milhões de um ano antes (+17%).

Em relação ao Ebitda, a média é de R$ 4,41 bilhões, significando uma retração de 2,6%.

Já na receita, a projeção é de R$ 10,735 bilhões – queda de 2,8%.

Tim

No caso da TIM, a recomendação é de compra por Eleven e Safra, com preço-alvo de R$ 19,00. Isso representa um upside de 48%.

Para o lucro, a média aponta para R$ 342 milhões, o que representaria uma queda de 39,1%.

Na linha do Ebitda, a projeção média é de R$ 2,067 bilhões, leve queda de 1,2% na comparação anual.

Já na receita, a expectativa média é por R$ 4,225 bilhões – retração de 2,5%.

Veja o lucro das telecom no segundo trimestre na comparação anual:

  • TIM (TIMP3) tem queda de 23,9% no lucro ajustado no 2TRI20
  • Telefonica (VIVT4) tem recuo de 21% no lucro no 2TRI20

Destravamento de valor

Além das perspectivas de resultados operacionais mais favoráveis, a Eleven destacou outros fatores que poderão destravar o valor de Telefônica e Tim no final de 2020 e no próximo ano.

Conforme a instituição, a continuação do movimento de consolidação do mercado de telefonia móvel, iniciado no ano passado pela aquisição da Nextel pela Claro, a definição do leilão 5G e o compartilhamento das redes 2G, 3G e 4G em determinadas regiões pode destravar o valor das companhias.

Quer saber mais como investimento no mercado de ações? Entre em contato com um assessor da EQI Investimentos preenchendo o formulário abaixo para receber mais informações.