Telefônica (VIVT4) informa dividendos e Saraiva (SLED3) comunica redução de participação acionária

Fernando Augusto Lopes
Redator e editor
1

Crédito: Reprodução/Telefônica

A Telefônica (VIVT4) comunicou nesta quinta-feira (28) ao mercado que realizará o pagamento dos dividendos e Juros Sobre Capital Próprio (JSCP) referente ao exercício de 2019.

O pagamento dos valores relativos aos JSCP a aos dividendos declarados nas reuniões do Conselho de Administração em 15 de fevereiro, 17 de abril, 17 de junho, e 19 de dezembro de 2019, serão pagos em 18 de agosto de 2020.

Em 9 de dezembro de 2020, serão pagos os dividendos declarados em 28 de maio deste ano.

Telefônica informa valores

  • JSCP declarado em 15/02/2019 tem valor bruto por ação de 0,38875331153 (ON) e de 0,42762864269 (PN) e valor líquido de 0,33044031480 (ON) e 0,36348434628 (PN)
  • JSCP declarado em 17/04/2019 tem valor bruto por ação de 0,31655626796 (ON) e de 0,34821189476 (PN) e valor líquido de 0,26907282777 (ON) e 0,29598011054 (PN)
  • JSCP declarado em 17/06/2019 tem valor bruto por ação de 0,53759029367 (ON) e de 0,59134932303 (PN) e valor líquido de 0,45695174961 (ON) e 0,50264692458 (PN)
  • JSCP declarado em 19/12/2019 tem valor bruto por ação de 0,19437665576 (ON) e de 0,21381432134 (PN) e valor líquido de 0,16522015740 (ON) e 0,18174217314 (PN)
  • Dividendos declarados em 19/12/2019 têm valor bruto por ação de 0,55536187362 (ON) e de 0,61089806098 (PN) e valor líquido de 0,55536187362 (ON) e 0,61089806098 (PN)
  • Dividendos declarados em 28/05/2020 têm valor bruto por ação de 1,21933883495 (ON) e de 1,34127271844 (PN) e valor líquido de 1,21933883495 (ON) e 1,34127271844 (PN)

Saraiva reduz participação acionária

A Saraiva (SLED3 e SLED4), em recuperação judicial, informou um investidor reduziu participação, a partir de vendas de ações preferenciais, para um total de 2,9 milhões de unidades, correspondentes a 14,27% das ações preferenciais da empresa.

“Trata-se de um investimento minoritário que não altera a composição do controle ou a estrutura administrativa” da Saraiva, disse a empresa em nota.

Renova Energia retoma operação de PCH

A Renova Energia (RNEW4) comunicou nesta quinta-feira (28) que a Brasil PCH e sua controlada indireta São Joaquim Energia retomarão a operação da unidade número 2 da Pequena Central Hidrelétrica (PCH) São Joaquim, no Espírito Santo.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (“ANEEL”), por meio da sua Superintendência de Fiscalização dos Serviços de Geração, publicou despacho declarando o retorno à operação comercial da unidade instalada no rio Benevente.

A PCH São Joaquim está localizada no município de Alfredo Chaves (ES), com capacidade Instalada de 21 MW, um investimento total de R$ 83.3 milhões. Opera desde maio de 2008.