SulAmérica (SULA11) vende carteira auto à Allianz por R$ 3,18 bi

Felipe Moreira
Felipe Moreira é Graduado em Administração de empresas e pós-graduado em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 6 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Divulgação / Wikipédia

A SulAmérica (SULA11) conclui venda de carteiras de automóveis e elementares para alemã Allianz, conforme fato relevante publicado nesta sexta-feira (10). O valor da transação foi de R$ 3,18 bilhões.

A SulAmérica destacou que os resultados das operações ora desinvestidas irão ainda constar das demonstrações financeiras da companhia referentes ao segundo trimestre de 2020, como resultados de operação descontinuada.

A conclusão da operação representará resultado não recorrente no lucro líquido da SulAmérica, no valor de R$ 1,4 bilhão, com adição de aproximadamente R$2,1 bilhões nas disponibilidades da companhia, após as liberações de capital regulatório e custos da transação.

Destinação dos recursos

De acordo com a SulAmérica, os recursos da operação serão destinados ao pagamento da aquisição da Paraná Clínicas; execução do Plano de Recompra de Ações da Companhia; pagamento dos dividendos mínimos sobre o ganho de capital líquido não recorrente; pagamento da 7ª Emissão de debêntures e reforço do capital de giro da empresa durante a pandemia;e investimentos no plano estratégico da companhia e reserva para futuras aquisições nos segmentos de saúde e odonto.

Posicionamento estratégico

A venda reforça o novo posicionamento estratégico da SulAmérica focado em saúde e proteção financeira.

Conforme o comunicado, a SulAmérica possui posição de liderança nos segmentos de saúde e odonto, sendo a terceira maior companhia do setor de saúde suplementar no Brasil em termos de receitas, com aproximadamente 4 milhões de beneficiários, além dos 3 milhões de clientes em vida, previdência e gestão de ativos, em uma robusta operação com reservas totais e recursos sob administração, inclusive de terceiros, superiores a R$ 44 bilhões.

MRS LOGISTICA (MRSA3B) fecha contrato de R$ 100 milhões de transporte ferroviário

A MRS Logística celebrou contrato de transporte ferroviário de carga com a Vallourec, controlador indireto da companhia.

O contrato tem como finalidade a prestação pela MRS à Vallourec do serviço de transporte ferroviário de carga para escoamento de produtos siderúrgicos.

O termo aditivo ao contrato tem por objeto a alteração da cláusula do reajuste de tarifa, a alteração da cláusula referente a estadias. O valor total estimado do contrato é de R$ 100 milhões.

O aditivo assinado vigorará retroativamente de 01 de janeiro deste ano até o dia 12 de janeiro de 2022.