Prévia indica novo recuo da Sondagem da Indústria em abril

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: Reprodução/Pixabay

A prévia da Sondagem da Indústria, divulgada nesta quinta-feira pela Fundação Getulio Vargas (FGV), aponta nova queda do Índice de Confiança da Indústria em abril, desta vez de 1,1 ponto. Agora, o índice se encontra a 103,1 pontos.

Se o resultado se confirmar, essa será a quarta queda consecutiva, com retorno ao menor patamar desde agosto de 2020 (quando atingiu 98,7 pontos).

A queda decorre da piora da situação corrente, com as expectativas se mantendo constantes para os próximos meses.

O Índice de Situação Atual caiu 2,3 pontos, para 109,1 pontos, o menor nível desde setembro de 2020.

O Índice de Expectativas, mantido em 97,1 pontos, permanece em seu menor nível desde julho de 2020.

Quer começar o dia bem-informado com as notícias que vão impactar o seu bolso? Clique aqui e assine a newsletter EQI HOJE!

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada da Indústria (NUCI) indica redução de 2,7 pontos percentuais, para 75,6%, menor nível desde agosto de 2020 (75,3%).

sondagem da indústria

Reprodução/FGV