Smiles (SMLS3) tem queda de 38% no faturamento em agosto

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 7 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Reprodução/Smiles

A Smiles (SMLS3) registrou queda de 38% no faturamento em agosto de 2020, na comparação com igual mês de 2019, conforme sua prévia operacional divulgada nesta segunda-feira (14).

Já no segundo trimestres deste ano, o recuo foi ainda maior, cerca de 54% em relação ao mesmo período de 2019.

Enquanto isso, as vendas brutas da Smiles em agosto caíram 24% na comparação com agosto do ano passado. As vendas brutas no segundo trimestre diminuíram 78%, na comparação com a base anual.

Ferramenta ajuda na escolha de suas ações de acordo com balanços

A receita de milhas resgatas em agosto caiu 46% e no trimestre despencou 87%.

BK Brasil (BKBR3) estuda aumento de capital

O BK Brasil (BKBR3) aprovou estudo para analisar um potencial aumento de capital, por meio de subscrição privada de ações ou por meio de uma oferta pública de distribuição de ações com esforços restritos.

Conforme o BK, a iniciativa visa dar maior agilidade para realização de potencial captação de recursos.

Essa potencial captação de recursos possibilitará a companhia acelerar as suas iniciativas de transformação digital e omnicanalidade e retomar o plano de crescimento de restaurantes Burger King e Popeyes no próximo ano.

A companhia não aprovou formalmente quaisquer termos e condições referentes ao aumento de capital.

Por fim, o BK ressalta que não há qualquer decisão sobre a estrutura de captação a ser adotada.