Simpar (SIMH3) lucra R$ 163,7 milhões no 4TRI20, alta de 104,1%

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Simpar

A Simpar (SIMH3) registrou lucro líquido dos controladores de R$ 163,7 milhões no quarto trimestre de 2020, alta de 104,1% em comparação com o mesmo período de 2019.

No acumulado de 2020, a companhia registrou um lucro de R$ 276 milhões, avançando 22,2% sobre 2019.

O resultado financeiro para o quarto trimestre foi negativo em R$ 151,9 milhões, queda de 17,7% sobre a base anual.

No acumulado de 2020, a companhia registrou uma despesa financeira líquida de R$ 374,8 milhões, queda de 51,2%.

O capex líquido para o último trimestre foi de R$ 1,5 bilhão, retomando a expansão dos negócios após o trimestre anterior em que o capex líquido foi de R$571milhões.

Receita da Simpar

No último trimestre de 2020, a receita líquida da Simpar atingiu R$ 2,649 bilhões, avanço de 0,7% sobre igual período de 2019.

Já no acumulado de 2020, a receita líquida da companhia subiu 1,2%, aos R$ 9,8 bilhões.

Ebitda 

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado foi de R$ 700 milhões no quarto trimestre, contra Ebitda de R$ 611,2 milhões comparado ao mesmo trimestre de 2019.

No ano, o Ebitda da Simpar foi de R$ 2,31 bilhões, alta de 9,6% sobre 2019.

Endividamento

A Simpar informou que manteve o caixa reforçado, suficiente para cobrir a amortização da dívida de curto prazo em 3,0x.

A liquidez totalizou R$ 6 bilhões ao final de 2020, 55% mais robusta ante o final de 2019.

A alavancagem, medida pela dívida líquida sobre o Ebitda, reduziu de 3,6x para 3,5x na comparação com o quarto trimestre de 2019.

Confira os principais destaques financeiros do balanço da Simpar (SIMH3)