Setor de energia solar deve gerar mais de 120 mil empregos em 2020

Bruno de Oliveira
Jornalista e técnico em administração e negócios.
1

Crédito: Andreas / Pixabay

O setor de produção de energia solar fotovoltaica deve abrir mais de 120 mil postos de trabalho no Brasil durante este ano. As informações foram divulgadas nesta quinta-feira (30) pela Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar).

Considerando as contratações feitas pelas empresas que atuam na área desde 2012, a entidade espera contabilizar a criação de 250 mil vagas em 2020.

O uso desse tipo de energia pode proporcionar às administrações públicas municipais, estaduais e federal um aumento de mais de R$ 5 bilhões nas receitas, segundo cálculos da Absolar.

Investimentos em energia

A expectativa da entidade é que a inciativa privada invista cerca de R$ 19,7 bilhões na implantação de sistemas em telhados e fachadas de edifícios e na construção de usinas solares.

Com os aportes esperados pela Absolar, a geração distribuída pode ter crescimento de 170% em 2020. Para as usinas solares de grande porte, a expansão estimada é de 25%.

Com esses avanços, o Brasil pode ter mais de 4 gigawatts (GW) de potência instalada nos próximos meses, que serão somados à capacidade instalada já existente no país de 4,4 GW.