Saque-aniversário do FGTS: crédito segue indisponível nos maiores bancos do País

Paulo Amaral
Jornalismo é meu sobrenome: 20 anos de estrada, com passagens por grandes veículos da mídia nacional: Portal R7, UOL Carros, HuffPost Brasil, Gazeta Esportiva.com, Agora São Paulo, PSN.com e Editora Escala, entre outros.
1

Crédito: Marcelo Camargo/Agência Brasil/Divulgação

Autorizados desde o dia 26 de junho a oferecer aos clientes a utilização do saque-aniversário do FGTS como garantia de empréstimos, os cinco maiores bancos do País ainda não disponibilizaram o serviço.

Dúvidas sobre como investir? Consulte nosso Simulador de Investimentos

De acordo com informações do Ministério da Economia, no entanto, os trabalhadores interessados em aderir à modalidade já podem solicitá-la.

“Pelo aplicativo do FGTS desenvolvido pela Caixa, os trabalhadores já podem manifestar o interesse na contratação de operação de crédito e indicar a instituição financeira de interesse”, informou a pasta, em nota.

“Acreditamos que haverá interesse em oferecer e contratar produtos com base na garantia do saque- aniversário especialmente pela segurança que o uso do recurso sob o FGTS oferece à operação”, acrescentou.

A Caixa Econômica Federal informou que 5,3 milhões de brasileiros já manifestaram interesse pelo saque-aniversário do FGTS, valor que corresponde a R$ 6,7 bilhões em recursos.

Segundo o Ministério da Economia, “o trabalhador que estiver com a modalidade de saque-aniversário vigente poderá conceder autorização às instituições com as quais contrate ou pretenda contratar a alienação ou cessão fiduciária do seu saque anual para que acessem as informações cadastrais e financeiras de sua conta vinculada relativas a valores do saque-aniversário”.

Os benefícios de se ter um assessor de investimentos

A posição dos bancos sobre o saque-aniversário

Em nota enviada para a Agência Brasil, o Itaú Unibanco informou que “está sempre atento a oportunidades que ajudem a impulsionar a economia”, e que “o banco estuda as condições estabelecidas para avaliar a oferta dessa linha”.

A Caixa, por sua vez, afirmou que “as condições da referida linha serão divulgadas oportunamente”, enquanto o Santander disse que está trabalhando para oferecer a linha no tempo “mais breve possível”.

O Bradesco, também em nota enviada à Agência Brasil, informou que “está avaliando a possibilidade”, enquanto o Banco do Brasil não respondeu se ofertará o crédito.

Planilha de Açõesbaixe e faça sua análise para investir