São Carlos (SCAR3): lucro líquido cresce quase dez vezes no 3TRI, para R$ 50,4 milhões

Regiane Medeiros
Economista formada pela UFSC. Produz conteúdo na área de mercado de capitais, finanças pessoais e atualidades.
1

A São Carlos (SCAR3) reportou um lucro líquido de R$ 50,4 milhões no terceiro trimestre de 2020.

Os números representam quase dez vezes mais o lucro do mesmo período de 2019, com R$ 5,4 milhões.

Já nos nove primeiros meses de 2020, o lucro líquido acumulado é de R$ 70,5 milhões, ante um lucro de R$ 71,3 milhões um ano antes.

BDRs, Day Trade, Unicórnios e novos IPOs.

Hoje é dia de insights para investir em 2021.

O valor de mercado do portfólio atingiu R$ 4,9 bilhões, com valorização de 8,2% em 12 meses.

As despesas gerais e administrativas recorrentes totalizaram R$ 14,5 milhões no terceiro trimestre de 2020, o que representa uma redução de 5,8% em relação a base anual.

O que você verá neste artigo:

Resultado Financeiro

Já o resultado financeiro da São Carlos foi uma despesa de R$ 21,4 milhões no trimestre, um aumento de 10,9% em comparação ao terceiro trimestre de 2019.

“Esse aumento reflete uma redução nas receitas financeiras em função da queda das taxas de juros das aplicações financeiras e aumento das despesas financeiras em função das captações de financiamentos realizados nos últimos 12 meses”, informou a Companhia.

No acumulado do ano, houve uma melhora de 4,9% no resultado financeiro em função da queda da taxa de juros e melhoria no perfil de endividamento da Companhia.

Receita 

A receita bruta com locações atingiu R$ 63,5 milhões no período, um recuo de 2,6% sobre a base anual.

O resultado foi impactado pela venda de ativos realizada nos últimos 12 meses(CE Região Portuária e Edifício Jardim Tietê).

Em 2020, a São Carlos registra uma receita bruta com locações de R$ 198,8 milhões, alta de 5,5% sobre o mesmo período de 2019.

Ebitda

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) foi de R$ 46,4 milhões.

No mesmo período do ano anterior a Companhia registrou um Ebitda de R$ 47 milhões.

Nos nove primeiros meses de 2020, o Ebitda acumulou R$ 145,2 milhões.

A margem Ebitda recorrente atingiu 78%.

Dívida

A dívida líquida da Companhia encerrou o terceiro trimestre em R$ 982,6 milhões, refletindo uma redução sobre um ano antes, com dívida de R$ 1,23 bilhão.

A alavancagem financeira, medida pela relação dívida líquida / Ebitda ajustado, ficou em 4,7 vezes no final do trimestre.