Tesouro Direto: resgates superam investimentos em R$ 471,9 milhões

Victória Anhesini
Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie
1

Crédito: Reprodução/Pixabay

A Secretaria do Tesouro Nacional divulgou nesta terça-feira (24) que os investimentos em títulos do Tesouro Direto chegaram a R$ 1,53 bilhão em outubro, enquanto os resgates somaram R$ 2,01 bilhões.

Com isso, o resultado líquido ficou negativo em R$ 471,9 milhões.

As aplicações de até R$ 1 mil representaram 68,56% das operações de investimento no mês. Além disso, o valor médio por operação foi de R$ 4.739,47.

Invista em suas Escolhas. Conheça os Melhores Investimentos 2021.

Os títulos com mais demanda dos investidores foram os indexados à inflação. Portanto, são os Tesouro IPCA+ e Tesouro IPCA+ com juros semestrais que somaram, em vendas, R$ 543,67 milhões e corresponderam a 35,38% do total.

Títulos

Os títulos indexados à taxa Selic totalizaram R$ 519,15 milhões, representando 33,79% das vendas. Enquanto isso, os prefixados atingiram R$ 473,65 milhões em vendas, ou 30,83% do total.

Em relação aos resgates antecipados, predominaram os títulos indexados à taxa Selic, que significaram R$ 1,31 bilhão (65,56%).

Os títulos remunerados por índices de preços, como Tesouro IPCA+, Tesouro IPCA+ com juros semestrais e Tesouro IGPM+ com juros semestrais totalizaram R$ 441,90 milhões (22,01%).

Os prefixados, no entanto, ficaram em R$ 249,56 milhões (12,43%).

Quanto ao prazo, a maior parcela de vendas se concentrou nos títulos com vencimento entre um e cinco anos. Estes alcançaram 42,88% do total.

Além disso, as aplicações em títulos com vencimento acima de dez anos representaram 25,18%. Enquanto isso, os títulos com vencimento de cinco a dez anos corresponderam a 31,94% do total.

Estoque

O estoque do Tesouro Direto cresceu 0,06% em outubro na comparação com setembro, indo para R$ 61,53 bilhões.

Os títulos remunerados por índices de preços, somaram R$ 30,48 bilhões, ou 49,54% do total.

Na sequência, vêm os indexados à taxa Selic (R$ 18,67 bilhões; 30,35%), e os prefixados (R$ 12,37 bilhões, 20,11% do total).

Base de Investidores

Por fim, os número de investidores cadastrados no programa cresceu 3,27% na comparação com setembro de 2020.

total de pessoas atingidas foi 8.660.306.

O total de investidores ativos no Tesouro Direto, ou seja, aqueles que atualmente estão com saldo em aplicações no programa, foi de 1.358.668 pessoas, representando uma queda de 941 investidores no mês.

*Com Agência Brasil

LEIA MAIS

BB Investimentos: veja as ações ESG de sua carteira

Luis Stuhlberger alerta sobre crise fiscal e risco de títulos prefixados

Fed: falta de apoio do Congresso põe em risco a recuperação econômica

Mini-índice Bovespa: o que é e como funciona esse minicontrato

Melhor investimento: onde investir durante e após a crise