Relatório Jolts aponta 7,4 milhões de vagas de trabalho nos EUA em fevereiro

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: Reprodução/Flickr

O número de vagas de trabalho em aberto na economia dos Estados Unidos chegou a 7,4 milhões no último dia de fevereiro, de acordo com dados do relatório “Job Openings and Labor Turnover Survey” (Jolts), divulgado nesta terça-feira (6) pelo Departamento do Trabalho americano.

Em janeiro, o número foi de 7,09 milhões, corrigidos dos 6,9 milhões anunciados anteriormente.

O resultado também veio acima da projeção do mercado, que era de 6,995 milhões de vagas.

As contratações subiram para 5,7 milhões, enquanto os desligamentos foram 5,5 milhões.

O levantamento, mensal, leva em conta as contratações e desligamentos não-agrícolas dos EUA.