Regina Duarte aceita convite para assumir secretaria da Cultura

Marco Antônio Lopes
Editor. Jornalista desde 1992, trabalhou na revista Playboy, abril.com, revista Homem Vogue, Grandes Guerras, Universo Masculino, jornal Meia Hora (SP e RJ) e no portal R7 (editor em Internacional, Home, Entretenimento, Esportes e Hora 7). Colaborador nas revistas Superinteressante, Nova, Placar e Quatro Rodas. Autor do livro Bruce Lee Definitivo (editora Conrad)

Crédito: Reprodução/Redes Sociais

A atriz Regina Duarte aceitou, nesta quarta (29), o convite feito pelo governo federal para assumir a secretaria da Cultura.

Regina confirmou que irá ocupar o posto após reunião entre a atriz e o presidente Jair Bolsonaro. O ministro do Turismo, Marcelo Alvaro Antonio, também estava no encontro.

A atriz, de 72 anos, foi chamada pelo governo para o posto depois que o então secretário Roberto Alvim foi demitido, no último dia 17, por incluir citações nazistas em um pronunciamento oficial.

Conheça planilha que irá te ajudar em análises para escolha do melhor Fundo Imobiliário em 2021

Liberdade para nomeações

Segundo Bolsonaro, Regina Duarte irá “apenas resolver questões pessoais”, sem especificar quais são, para assumir a secretaria.

“Disse sim [ao governo]. Só vão ocorrer agora a fase de proclamas antes do casamento”, afirmou Regina ao sair da reunião com o presidente e o ministro.  Nos últimos dias, a atriz vem se referindo às discussões sobre sua nomeação como “noivado com o governo”. Proclamas são um documento de entrada em casamento civil.

Bolsonaro lembrou que Regina terá liberdade para nomear quem a atriz quiser para compor a equipe da secretaria da cultura.

O presidente reforçou ainda que a atriz terá carta branca para trabalhar no ministério. Ela tetará se aproximar da classe artística.

A nomeação ainda foi publicada no Diário Oficial da União.

“Ela tem a oportunidade de mostrar realmente como é fazer cultura no Brasil. Ela tem experiência em tudo que vai fazer. Precisa de gente com gestão ao seu lado, tem cargo para isso, vai poder trocar quem ela quiser lá sem problema nenhum. Então tem tudo para dar certo a Regina Duarte”, disse Bolsonaro.

Para assumir o cargo de secretária especial, Regina vai suspender contrato com a TV Globo, informou a própria emissora.