Celulose Irani (RANI3) se prepara para ir ao Novo Mercado e mudança de nome

Katherine Rivas
null

A empresa Celulose Irani. S.A (RANI3) vai começar os trabalhos para migrar a companhia para o Novo Mercado da B3, setor com maior governança das empresas listadas na Bolsa de Valores.

Em reunião com o Conselho de Administração nesta segunda-feira (3), a Companhia determinou que a migração para o Novo Mercado que deve incluir a conversão das ações preferenciais da empresa em ações ordinárias.

A Celulose Irani também terá que implementar as políticas, códigos e regimentos internos exigidos para fazer parte deste novo grupo.

A empresa também comunicou ao mercado em documento que será debatido em Assembléia Geral Extraordinária no dia 19 de fevereiro, que mudará o nome da companhia para Irani Papel e Embalagem S.A, a justificativa é adotar um nome mais alinhado às atividades realizadas na empresa (fabricação de papel e embalagem) diminuindo a percepção equivocada de que a Companhia se encaixa no setor de celulose de mercado.

Outras alterações

A empresa também esclarece que a administração da companhia será exercida pelo Conselho de Administração, que terá funções deliberativas e a Diretoria cujo trabalho será executivo e representativo.  Cada Conselheiro e Diretor terão um mandato de dois anos, e podem ser reeleitos.

O Conselho de Administração da Companhia será composto por nove membros, todos eleitos pela Assembléia Geral.  Cada conselheiro terá um mandato de dois anos com chance de reeleição. A empresa também afirmou que 20% dos conselheiros serão independentes.

Atualmente o capital social da empresa é R$ 161.894.847,81, deste total 153.909.975 são ações ordinárias e 12.810.260 ações preferenciais. A Companhia pode aumentar seu capital social até 900.000.000 em valor de ações.