Radar traz Via (VVAR3), BB Seguridade (BBSE3) e Grupo Mateus (GMAT3)

Matheus Gagliano
Colaborador do Torcedores
1

O Radar Corporativo destaca que a BB Seguridade (BBSE3) informou que seu controlador indicou o nome de Bruno Alves do Nascimento para ocupar o cargo de Diretor de Estratégia e Tecnologia.

A Via (VVAR3) comunicou a emissão de R$ 1 bi em debêntures.

Praticidade e precisão, saiba quais melhores investimentos e como melhorar rentabilidade de suas ações

A CSN Cimentos, pertencente à CSN (CSNA3), pretende retomar IPO após a aquisição do grupo Holcim, por US$ 1,02 bilhão. A estreia deve ocorrer em outubro, informa o Valor.

O Grupo Mateus (GMAT3) inaugurou, no Ceará, mais uma loja e, com isso, dá prosseguimento ao seu plano de expansão.

A Terra Santa Agro (TESA3) aprovou cancelamento de seu registro de companhia aberta.

A Alper (APER3) informou compra de corretora de resseguros do C6.

Enquanto a Elfa Medicamentos (ELFA3) concluiu aquisição de 68,3% do Grupo DRS.

Por fim, Rumo Malha Norte (FRRN3) e Allied (ALLD3) informam sobre proventos.

Veja os demais destaques do Radar Corporativo.

Cias abertas

BB Seguridade (BBSE3) recebe indicação de novo diretor de Estratégia e Tecnologia

A BB Seguridade (BBSE3) informou que o controlador indicou o nome de Bruno Alves do Nascimento para ocupar o cargo de Diretor de Estratégia e Tecnologia. Ele deverá cumprir o mandato 2021-2023.

A indicação será submetida ao Comitê de Elegibilidade da Companhia. E, após manifestação do órgão, seguirá ao Conselho de Administração para eleição.

Grupo Mateus (GMAT3) inaugura nova loja e segue plano de expansão

O Grupo Mateus (GMAT3) informou que inaugurou, no Ceará, mais uma loja. Com isto, dá prosseguimento ao eu plano de expansão. O novo estabelecimento fica na cidade de Sobral, que possui 210 mil habitantes.

A cidade recebe então a primeira operação que grupo, que irá manter a Mix Atacarejo. A área de vendas é de 4,3 mil metros quadrados (m²).

Com a nova loja, o grupo encerrou o mês de agosto com 184 lojas em operação, sendo 56 de varejo, 40 de atacarejo e 88 de eletro. Por estado, são 109 lojas no Maranhão, 63 no Pará, 10 no Piauí e duas no Ceará, já incluindo a nova operação.

Bemobi (BMOB3) tem renúncia de diretor Financeiro

A Bemobi (BMO3) teve a renúncia de Rodin Spielmann de Sá dos cargos de Diretor Financeiro e de Relações com Investidores da companhia. De acordo com o comunicado, a saída dele se efetivará no dia 30 de setembro.

Em substituição, o conselho de administração da empresa, aprovou o nome de André Pinheiro Veloso para exercer os cargos a partir de 1º de outubro.

Terra Santa (TESA3) fecha capital

A Terra Santa Agro (TESA3) aprovou, em assembleia geral extraordinária, o cancelamento de registro de companhia aberta – categoria A na CVM, bem como a saída do Novo Mercado, segmento de listagem da B3.

Em março, a Terra Santa assinou acordo de combinação de negócios com a SLC Agrícola.

Pacaembu Construtora (PCBU3) tem novos diretores presidentes

O conselho de administração da Pacaembu Construtora (PCBU3) aprovou a renúncia do diretor presidente, Wilson Amaral de Oliveira. Em substituição, foram aprovados dois nomes para ocuparem o cargo: Victor Bassan de Almeida e Fernando Bassa de Almeida.

Diante da vacância da Diretoria de Negócios, os novos diretores presidentes assumirão e dividirão entre eles as funções do cargo de Diretor de Negócios, acumulando as atribuições e competências do diretor substituído.

Na mesma reunião, o conselho aprovou a prorrogação do mandato dos diretores da companhia para até 6 de agosto de 2023.

Mudança Acionária

Vittia (VITT3) tem aumento de participação da Verde Asset

A Vittia (VITT3) informou que recebeu da Verde Asset Management correspondência sobre aumento de participação da gestora.

A Verde agora passa a deter 7.500.000 ações ordinárias de emissão (ON) da companhia. Estes papéis correspondem a, aproximadamente, 5,48% de participação em ações ON.

Blue Tech (JBDU3) passa a ter controle pulverizado

A Blue Tech (JBDU3), ex-JB Duarte, recebeu informação da Duagro dando conta de que esta deixou de ser acionista em posição relevante. Com isso, a companhia passou a ter seu controle pulverizado na bolsa de valores.

Aquisições

Alper (APER3) compra corretora de resseguros do C6

A Alper Consultoria e Corretora de Seguros (APER3) informa que celebrou contrato de compra e venda de 100% do capital social da C6 Seg do Brasil, corretora de resseguros indiretamente controlada pelo banco C6. Em 2020, a C6 Seg do Brasil movimentou prêmios totais de aproximadamente R$ 90 milhões. O valor da transação é de R$ 26,290 milhões.

Elfa Medicamentos (ELFA3) conclui aquisição de 68,3% do Grupo DRS

A Elfa Medicamentos (ELFA3) concluiu a aquisição de 68,3% do Grupo DRS. Fundado em 2005, o grupo detém posição de liderança em serviços logísticos complexos para suporte a pesquisas clínicas da indústria farmacêutica, apoiando o desenvolvimento e lançamento de novos medicamentos. De acordo com a Elfa, esta aquisição marca a entrada da companhia neste segmento de medicamentos no Brasil.

Emissões

Via (VVAR3) emite R$ 1 bi em debêntures

O conselho de administração da Via (VVAR3) aprovou a emissão de R$ 1 bilhão em debêntures, com prazos de três, cinco e sete anos, segundo comunicado enviado pela companhia à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Os recursos serão usados para alongamento do perfil da dívida e reforço de caixa.

Sequoia (SEQL3) emitirá 703,9 mil novas ações

A Sequoia (SEQL3) aprovou a emissão de 703.957 novas ações ON com o objetivo de ampliar o capital social da companhia. Estas serão vendidas a R$ 2,18476 por ação. Além disso, também poderá ocorrer a venda de mais 18.492 papéis ON, pelo valor de R$ 2,18311.

Proventos

Rumo Malha Norte (FRRN3) paga dividendos

A Rumo Malha Norte (FRRN3) pagará aos acionistas da companhia, em 20 de setembro de 2021, a título de dividendos intercalares, o valor de R$ 0,3341628301821990 por ação ordinária, R$ 0,3675791132004190 por ação preferencial classe “A” e R$ 0,3341628301821990 por ação preferencial classe “B”.

Allied (ALLD3) aprova proventos

A Allied Tecnologia (ALLD3) aprovou pagamento de proventos, no valor total de R$ 43.213.146,25 . Serão distribuídos juros sobre capital próprio de R$ 31.422.593,82,  que  correspondem  a R$ 0,337139337 por ação. A distribuição de dividendos intercalares será de R$ 2.661.438,84, sendo R$ 0,028555113 à conta de parte dos lucros apurados  entre  1º de janeiro  e  30  de junho de  2021. Ainda haverá distribuição de dividendos intermediários no valor de R$ 9.129.113,59, sendo R$ 0,097948098 por ação, à conta da reserva de lucros de 2020.

IPO

CSN Cimentos deve retomar IPO

A CSN Cimentos, pertencente à CSN (CSNA3), pretende retomar IPO após a aquisição do grupo Holcim, por US$ 1,02 bilhão. A estreia deve ocorrer em outubro, informa o Valor.