Radar traz Petrobras (PETR4 PETR3), Smartfit (SMFT3) e Iguatemi (IGTI11)

Osni Alves
Jornalista desde 2007. Passou por redações e empresas de comunicação em SC, RJ e MG. E-mail: oalvesj@gmail.com.
1

Crédito: Crédito da imagem: Reprodução/Internet

O radar corporativo destaca que a Petrobras (PETR4 PETR3) informa valor de proventos a serem pagos no próximo dia 15 de dezembro.

A Smartfit (SMFT3) aprovou a realização da sexta emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações da companhia, para distribuição pública com esforços restritos, no montante de R$ 1,325 bilhão.

Praticidade e precisão, saiba quais melhores investimentos e como melhorar rentabilidade de suas ações

Oceanpact (OPCT3) encerra emissão de debêntures.

A Mater Dei (MATD3) informa que, de uma vez, adquiriu dois centros médicos no Triângulo Mineiro.

O Iguatemi (IGTI11) vai migrar nesta segunda-feira (22) para o Nível 1 da B3.

Já a JBS (JBSS3) ingressou no mercado de proteína cultivada com investimento de US$ 100 milhões.

Veja mais destaques do radar corporativo:

Cias. Abertas

Iguatemi (IGTI11) vai migrar para o Nível 1 da B3 hoje

A Iguatemi (IGTI11), empresa que administra shoppings, informou que a negociação das Units emitidas como resultado da operação e a migração para o Nível 1 da B3 terão início nesta segunda-feira, 22 de novembro, tanto para os antigos acionistas da IESC como para os acionistas da Iguatemi que solicitaram a conversão, sob o ticker IGTI11 e sob o novo nome de pregão “IGUATEMI S.A.”.

Em relação ao resumo da conversão de ações, a companhia detém, agora, 2.410,903 milhões de Units equivalentes.

Eletrobras (ELET3; ELET6) privatização deve sair no primeiro semestre de 2022

O presidente da Eletrobras (ELET3; ELET6), Rodrigo Limp, informou que o processo de privatização da empresa deve ocorrer em maio do próximo ano, de acordo com o jornal Valor Econômico. A previsão anterior era de que ocorreria em fevereiro.

Braskem (BRKM5) e Cosan (CSAN3) se unem por biorrenováveis

A Braskem (BRKM5) e a Cosan (CSAN3) se uniram para buscar oportunidades de exploração de produtos químicos renováveis, de acordo com o Valor Econômico. A ideia é buscar sinergias em portfólio de negócios que sejam complementares.

JBS (JBSS3) ingressa no mercado de proteína cultivada com investimento de US$ 100 milhões 

A JBS (JBSS3) anunciou o investimento de 100 milhões de dólares para entrar no mercado de proteína cultivada, que consiste na produção de alimentos a partir de células animais. 

O investimento será dividido em duas frentes, uma operação na Espanha e outra no Brasil. Na Europa, a gigante brasileira anunciou a aquisição BioTech Foods por 41 milhões de dólares, que inclui a construção de uma nova unidade fabril na Espanha para dar escala à produção.

De acordo com a JBS, a BioTech Foods é uma das principais empresas no desenvolvimento de biotecnologia para produção de proteína cultivada. A empresa espanhola tem sede na cidade de San Sebastián e deve iniciar a operação comercial em meados de 2024. 

Magalu (MGLU3) entra no setor de games

Segundo reportagem do Estadão, a Magalu (MGLU3) vai entrar no mercado de games e financiar jogos brasileiros. A iniciativa aproxima a varejista brasileira de grandes nomes internacionais, como Amazon, Alibaba e Tencent.

Unipar (UNIP6) informa sobre projeto de ampliação em Santo André/SP

A Unipar (UNIP6) irá ampliar a sua produção de cloro, em 29 mil toneladas ao ano, e de soda cáustica, em 32 mil toneladas ao ano, na planta da empresa na cidade de Santo André, em São Paulo. Além disso, a companhia divulgou a construção de um forno de ácido clorídrico com capacidade de 91 mil toneladas ao ano.

A ampliação terá um investimento de, aproximadamente, R$ 100 milhões, com o início estimado das operações no 2º semestre de 2023.

Com isso, a Unipar aumentará sua capacidade instalada de produção, no Brasil, para 545 mil toneladas de cloro, 615 mil toneladas de soda cáustica e 755 mil toneladas de ácido clorídrico.

João Fortes (JFEN3) convoca assembleia

A João Fortes Engenharia convoca os acionistas para Assembleias Gerais de Credores da Recuperação Judicial do grupo. O primeiro encontro, virtual, acontece dia 1 de dezembro.

Balanços

PetroRecôncavo (RECV3) informa produção

Nesta quarta-feira (17), a PetroRecôncavo (RECV3) apresentou ao mercado o relatório de produção do mês de outubro. A produção de petróleo caiu 2,3%. 

A companhia produziu 12.152 barris de petróleo no mês passado. Ao traçar um comparativo com a média do 3º trimestre, registrou uma queda de 0,8%.

Proventos

A Petrobras (PETR4;PETR3) informou que realizará a distribuição de dividendos e juros sobre capital próprio (JCP) no dia 15 de dezembro de 2021 para os detentores de ações de emissão da Petrobras negociadas na B3.

O pagamento de dividendos será de R$ 2,195126 por ação e JCP R$ 1,055361 bruto por ação.

A data de corte é dia 01 de dezembro de 2021 para os detentores de ações de emissão da Petrobras negociadas na B3.

A Petrobras também arrematou um contrato de mais 25 anos no terminal STS 08A, no Porto de Santos.

A oferta foi de R$ 558,25 milhões, que serão pagos ao governo federal por meio da Santos Port Authority (SPA). Também estão previstos R$ 792 milhões de investimentos ao longo de 25 anos de contrato. O terminal tem 305.688 metros quadrados.

Ser Educacional (SEER3) paga dividendos de R$ 0,12 por ação

Após a divulgação dos resultados financeiros do 3º trimestre de 2021, a Ser Educacional (SEER3) divulgou a distribuição dos dividendos para os seus acionistas. Ao todo, a companhia liberou R$ 15,89 milhões, em cada ação irá receber uma bonificação de R$ 0,12. 

O pagamento está agendado para o dia 10 de dezembro. Para receber os dividendos, o acionista deve ter posse do ativo até 23 de novembro. 

Banco de Brasília antecipa pagamento de proventos

Em reunião realizada na última terça-feira (16), o Conselho de Administração do Banco de Brasília (BRB) antecipou o pagamento de dividendo e juros sobre o capital próprio para o dia 09 de dezembro. Para ter direito aos recursos, o acionista deve ter posse da ação até o dia 1º de dezembro.

Com base no resultado financeiro do 3º trimestre, o banco brasiliense liberou mais de R$ 55 bilhões em dividendos, que correspondem a R$0,14 por ação ON e R$0,16 por ação PN.

Em relação ao JCP, o BRB disponibiliza R$ 17,75 milhões, sendo R$ 0,04 por ação ON e R$0,05 por PN.  

Emissões

Smartfit (SMFT3) aprova emissão de debêntures

A Smartfit (SMFT3) informa que o Conselho de Administração da empresa aprovou a realização da sexta emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações da companhia, para distribuição pública com esforços restritos, no montante de, inicialmente, R$ 1,325 bilhão.

Oceanpact (OPCT3) encerra emissão de debêntures

A Oceanpact (OPCT3) comunica o encerramento da oferta da terceira emissão de debêntures, não conversíveis em ações, no valor de R$ 500 milhões.

Aquisições

Mater Dei (MATD3) compra dois centros médicos no Triângulo

O Hospital Mater Dei (MATD3) anunciou a aquisição de 99,6% do Hospital Santa Genoveva, e aquisição de 100% do Centro de Tomografia Computadorizada Uberlândia.

De acordo com o fato relevante encaminhado ao mercado, as adquiridas são contíguas e integradas, localizadas em Uberlândia, cidade estratégica e com o segundo maior (Produto Interno Bruto (PIB) de Minas Gerais.

Também disse que atraem pacientes de todo o Triângulo Mineiro, região com mais de 1,5 milhão habitantes e 650 mil beneficiários, em ampla expansão.

Hypera (HYPE3) venda portfólio de produtos farmacêuticos da Eurofarma na Colômbia e México

A Hypera (HYPE3) confirmou a venda de portfólio de produtos farmacêuticos isentos de prescrição e não isentos para a Eurofarma na Colômbia e México pelo valor de US$ 51,6 milhões. 

A empresa farmacêutica brasileira aponta que os ativos da operação fizeram parte da negociação recente com a Sanofi. 

A Hypera destaca que a operação “está  alinhada  com  a  estratégia  da  Companhia  de  focar  no  mercado  farmacêutico brasileiro”.