Radar traz IMC (MEAL3), IRB (IRBR3), Vale (VALE3) e Petrobras (PETR4)

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 8 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Certificações: CPA-10, CPA-20 e AAI. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Foto: radar

O Radar Corporativo desta terça-feira (30) traz a sequência os últimos balanços da reta final da safra de balanços do quatro trimestre de 2020.

IMC (MEAL3) registrou prejuízo de R$ 39,557 milhões no quartro trimestre, aumento de 55,9% frente igual período de 2019.

Simule seus investimentos com um especialista e confira as melhores opções de acordo com seu perfil

Gerdau (GGBR4) é ação mais recomendada da semana

Já Bemobi (BMOB3) reportou lucro de R$ 39,8 milhões no ano passado, alta de 23% na comparação ano a ano.

Enquanto isso, a Espaçolaser (ESPA3) apresentou lucro de R$ 36,6 milhões no quarto trimestre de 2020, mais do que triplicando na comparação anual. 

A Neogrid (NGRD3) registrou lucro líquido de R$ 3,78 milhões no quarto trimestre de 2020. A cifra representa uma alta de 12,2% sobre o mesmo período de 2019, com lucro de R$ 3,37 milhões.

Por sua vez, a Eucatex (EUCA4) reportou lucro líquido de R$ 41,5 milhões no quarto trimestre de 2020. Os números representam um incremento de 79,5% sobre o mesmo período de 2019, com lucros de R$ 23,1 milhões.

A Eletromidia (ELMD3) reportou lucro líquido de R$ 8,22 milhões no quarto trimestre de 2020. A cifra representa uma queda de 49% sobre o mesmo período de 2019, com lucro de R$ 16,12 milhões.

Destaque ainda à Vale (VALE3), que recebeu informativo do BNDES sobre a precificação da oferta secundária de debêntures participativas, que deve ocorrer em 12 de abril.

Já a Petrobras (PETR4) demitiu gerente de RH por negociar ação em período de silêncio.

Enquanto isso, o IRB (IRBR3) busca por novo CEO, por conta da saída Antônio Cássio dos Santos.

Por fim, BRMalls (BRML3)Iguatemi (IGTA3) informaram sobre horários de seus shoppings, alterados por conta da pandemia.

Veja agora a cobertura completa do Radar Corporativo:

O que você verá neste artigo:

Balanços 

IMC (MEAL3): prejuízo cresce 29 vezes em 2020

Além do aumento do prejuízo trimestral, a IMC (MEAL3) fechou ano com um prejuízo líquido de R$ 473,6 milhões, contra um prejuízo líquido de R$ 15,8 milhões em 2019.

Eucatex (EUCA4): lucro cresce 79,5% no 4TRI, para R$ 41,5 mi

A Eucatex (EUCA4) reportou lucro líquido de R$ 41,5 milhões no quarto trimestre de 2020. Os números representam um incremento de 79,5% sobre o mesmo período de 2019, com lucros de R$ 23,1 milhões.

No acumulado de 2020, a companhia totalizou lucro de R$ 94,8 milhões, alta de 24,9% sobre 2019.

Lopes Brasil (LPSB3) reverte prejuízo e tem lucro de R$ 8,3 mi no 4TRI

A Lopes Brasil (LPSB3) registrou lucro líquido de R$ 8,3 milhões no quarto trimestre de 2020, revertendo prejuízo do quarto trimestre de 2019.

Eletromidia (ELMD3) registra lucro de R$ 8,22 mi no 4TRI, queda de 49%

A Eletromidia (ELMD3) reportou lucro líquido de R$ 8,22 milhões no quarto trimestre de 2020. A cifra representa uma queda de 49% sobre o mesmo período de 2019, com lucro de R$ 16,12 milhões.

No acumulado de 2020, a companhia totalizou prejuízo de R$ 29,73 milhões ante um lucro de R$ 15,19 milhões em 2019.

Neogrid (NGRD3): lucro soma R$ 3,78 mi no 4TRI, alta de 12,2%

A Neogrid (NGRD3) registrou lucro líquido de R$ 3,78 milhões no quarto trimestre de 2020. A cifra representa uma alta de 12,2% sobre o mesmo período de 2019, com lucro de R$ 3,37 milhões.

No acumulado de 2020, o lucro líquido da companhia totalizou R$ 12,35 milhões, alta de 42,8% sobre 2019.

Bemobi (BMOB3) tem alta de 23% no lucro em 2020

A Bemobi (BMOB3) registrou lucro líquido de R$ 39,8 milhões no ano passado, alta de 23% na comparação ano a ano.

O Ebitda foi de R$ 93,4 milhões em 2020, número 11% superior ao ano de 2019.

Espaçolaser (ESPA3) mais do que triplica lucro no 4TRI, a R$ 36,6 mi

Espaçolaser (ESPA3) registrou lucro líquido de R$ 36,6 milhões no quarto trimestre de 2020. O lucro mais do que triplicou em relação ao mesmo período de 2019.

O Ebitda totalizou R$ 53,1 milhões, alta de 17,9%.

Bombril (BOBR4) tem queda de 27,7% no prejuízo no 4TRI

Bombril (BOBR4) registrou prejuízo líquido de R$ 3,9 milhões no quarto trimestre de 2020, redução de 27,7% na comparação com igual período de 2019.

Rio Paranapanema (GEPA3) lucra R$ 701,96 mi em 2020, alta de 184,9%

A Rio Paranapanema (GEPA3) registrou lucro líquido de R$ 701,96 milhões no quarto trimestre de 2020. Os números refletem uma alta de 184,9% sobre 2019, com lucro de R$ 246,39 milhões.

A receita operacional líquida em 2020 atingiu R$ 1,45 bilhão, alta de 5% sobre o ano de 2019.

Cias Abertas

Petrobras (PETR4) demite gerente de RH por negociar ação em período de silêncio

Em comunicado divulgado nesta segunda-feira (29), a Petrobras (PETR4) esclareceu que o gerente executivo de recursos humanos Claudio Costa foi desligado da companhia hoje.

Segundo a Petrobras, ele atuou em episódio pontual, em desacordo com o disposto na Política de Divulgação de Ato ou Fato Relevante e de Negociação de Valores Mobiliários, que veda a negociação de valores mobiliários de emissão da Petrobras por pessoas vinculadas nos 15 dias que antecedem a divulgação das demonstrações financeiras da companhia.

IRB (IRBR3) busca novo CEO

Antônio Cássio dos Santos deixou o cargo de Diretor Presidente da companhia e permanece no cargo de Presidente do Conselho de Administração.

A União sinalizou formalmente sua intenção de manter o atual Presidente do Conselho, o Conselho contratou consultoria internacional especializada em executive search para a busca de um novo CEO.

Wilson Toneto,Vice-Presidente da Companhia, acumulará, de forma interina, a presidência do IRB com as suas atuais funções nas áreas técnicas, atuariais e de operações.

Eternit (ETER3) faz oferta por fábrica de R$ 110 mi

A Eternit (ETER3) fez oferta vinculante para aquisição da Confibra pelo valor de R$ 110 milhões.

A Confibra, empresa de capital nacional com foco na produção de telhas de fibrocimento, está localizada em Hortolândia, interior do Estado de São Paulo, o maior mercado consumidor do produto no país e no qual a Eternit não possui unidade industrial deste segmento.

A aquisição representará um aumento de capacidade de cerca de 20% no parque industrial de produção de telhas de fibrocimento da companhia e está em linha com a estratégia de crescimento e consolidação setorial, proporcionando elevação imediata da capacidade  instalada e da participação de mercado da Eternit, sem provocar excedente de produção na indústria.

BRMalls (BRML3) suspende operação em Duque de Caxias (RJ)

A BRMalls (BRML3) informou que suspendeu as operações do Top Shopping, em Duque de Caxias (RJ) por conta de restrições devido à Covid-19.

Atualmente, a companhia possui 7 shoppings abertos, equivalentes a 23,5% da ABL total e 22,4% da ABL própria da companhia e 13,2% do NOI core em 2019, os quais ainda possuem restrições no horário de funcionamento.

Iguatemi (IGTA3): shopping em horário reduzido

A Iguatemi (IGTA3) informou que shopping Iguatemi Brasília foi reaberto para atividades não essenciais em horário reduzido.

A retomada de operações foi feita nesta segunda (29) das 13h às 21h. “Lembramos que as operações de delivery, take out e drive-thru estão mantidas das 11h às 21h”, diz nota da companhia.

Randon (RAPT4) anuncia decisão sobre êxito em créditos fiscais

A Randon (RAPT4) anunciou decisão sobre êxito em créditos fiscais de R$ 37,7 milhões.

Deste valor, R$ 17,8 milhões foram reconhecidos no decorrer de 2020, em razão de decisão de antecipação de tutela. O saldo remanescente de R$ 19,8 milhões vai compor os resultados de 31 de março de 2021.

Vamos (VAMO3) assina contrato com a Concessionária Fendt

A Vamos (VAMO3) anunciou que foi celebrado o contrato para nomeação de concessionário da marca Fendt (“Fendt”) para a região de Sorriso, no Mato Grosso, pela Vamos Comércio de Máquinas Agrícolas Ltda., subsidiária integral da Companhia.

Conforme a Vamos, a operação tem como um dos seus objetivos a consolidação de uma rede de concessionárias de máquinas agrícolas através de marcas com produtos de alta qualidade, nas regiões atuais e regiões complementares, nas quais serão exploradas sua atividade fim, além de oferecer de forma integrada todo o nosso portfólio de serviços, tais como a locação e comércio de caminhões, máquinas e equipamentos novos e seminovos.

Fundo controlado pelo BPAC11 compra colégio em Niterói

Controlado por fundo do BTG (BPAC11), a Inspira Rede de Educadores comprou o tradicional Colégio Marília Mattoso, de Niterói (RJ). É a 15ª aquisição do grupo desde o início de 2020.

Oi (OIBR4) começa a operar fibra óptica em São Paulo

A Oi (OIBR4) anunciou na segunda-feira (29) o lançamento do seu serviço de FTTH (sigla em inglês para fibra óptica até a casa do cliente) no Estado de São Paulo no segundo trimestre deste ano, tanto para clientes residenciais quanto para empresas, segundo o Valor Econômico.

Assim, a Oi vai enfrentar diretamente sua principal concorrente no segmento, a Telefônica Brasil (VIVT4).

A rede óptica da Oi em São Paulo tem 5,2 mil quilômetros. Ela foi formada a partir da incorporação de redes de Pegasus Telecom e Metrored e está voltada para o atendimento a clientes corporativos.

A Oi tem quer alcançar ainda este ano 400 mil domicílios cobertos (com serviço de FTTH disponível para contratação).

A operadora estima que possa ampliar essa cobertura para dois milhões de lares em 2022.

BB (BBAS3): governo troca quatro conselheiros

Quatro membros do conselho de administração do Banco do Brasil (BBAS3) não serão reconduzidos ao cargo, de acordo com decisão do governo federal.

O movimento, que vem após a substituição de André Brandão do comando do banco, teve como objetivo evitar um novo desgaste, já que alguns conselheiros haviam indicado que

renunciariam em sinal de descontentamento. Mas a manobra pode não surtir efeito.

O Valor apurou que o conselho pode sofrer baixas nos próximos dias. Ou seja, antes mesmo que os conselheiros esperem a eleição dos substitutos na assembleia marcada para 28 de abril.

Há ainda a possibilidade de divulgarem novo manifesto com críticas à sucessão de Brandão.

De acordo com a proposta apresentada ontem, o presidente do conselho de administração do BB, Hélio Magalhães, não será reconduzido. O executivo havia sido indicado ao cargo no início do governo de Jair Bolsonaro.

José Guimarães Monforte, Fábio Barbosa (exvice-presidente do banco) e o próprio Bandão também serão substituídos.

Proventos

Raia Drogasil (RADL3) altera valor bruto de JCP

A Raia Drogasil (RADL3) alterou o valor bruto de Juros sobre Capital Próprio (JCP) de R$ 0,02667 para R$ 0,02666 por ação.

A alteração do número de ações em tesouraria foi em função da transferência de ações no âmbito do programa de incentivo de longo prazo (ILP) aos executivos da companhia.

BMG (BMGB4) aprova distribuição de JCP

O BMG (BMGB4) aprovou Juros Sobre Capital Próprio (JCP) no valor bruto de R$ 0,1786 por ação ON e PN.

O JCP foi declarado no valor bruto de R$ 0,17860726211 por ação ordinária e preferencial de emissão do banco (valor líquido de R$ 0,15181617279 por ação), com base na posição acionária final do dia 29 de dezembro de 2020.

O pagamento será feito em 1º de abril.

Emissão e dívidas

Vale (VALE3) recebe comunicação sobre debêntures

A Vale (VALE3) comunicou que recebeu informativo do BNDES sobre lançamento de oferta secundária das debêntures participativas.

A oferta secundária consistirá na distribuição pública secundária de, inicialmente, 142.000.000 debêntures, sendo 93.899.208 debêntures de titularidade da União, 37.500.342 debêntures de titularidade do BNDES e 10.600.450 debêntures de titularidade da BNDESPAR, a ser realizada no Brasil, com esforços restritos.

Vale (VALE3): BNDES deve precificar oferta de debêntures em 12 de abril

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)  deve precificar a oferta de debêntures da Vale (VALE3) em 12 de abril.

Nesta segunda-feira (29) foi dado início à oferta de venda de mais de 214 milhões de debêntures da Vale, segundo o TC.

Assim, deverão ser levantados R$ 13 bilhões para repagar o Tesouro Nacional por empréstimos feitos durante governos anteriores.

Ambev (ABEV3) informa aumento de capital por subscrição privada

A Ambev (ABEV3) informou nesta segunda-feira (29) aumento de capital por meio de subscrição privada.

Assim, foi aprovado o aumento de capital no valor total de R$ 1,61 milhão. Desta forma, o capital social da empresa fica em R$ 57,9 bilhões.

Serão emitidas 114.929 novas ações ordinárias.

Mudança acionária

CCR (CCRO3) informa que CRGI reduziu participação na companhia

A CCR (CCRO3) comunicou que a CRGI reduziu sua fatia na empresa de 10,19% para 9,98%.

IPO

Raízen contrata bancos para fazer IPO

A Raízen, joint venture entre Cosan e Shell, contratou bancos para coordenar seu IPO (Oferta Pública Inicial), de acordo com a agência Reuters.

Foram contratados BTG Pactual, Bank of America, Citi e Credit Suisse.

A empresa, que faturou R$ 120 bilhões no exercício fiscal de 2020, havia começado a prospectar os potenciais coordenadores no início de março.

Na abertura de capital a expectativa é de levantar em torno de R$ 13 bilhões.

Fontes disseram à agência que a Raízen pode sair do IPO avaliada em mais de R$ 100 bilhões.

Outros bancos ainda podem entrar na coordenação do negócio, que deve ser um dos maiores do ano.

(Com Marco Antonio Lopes, Cláudia Zucare, Rodrigo Petry e Redação)

Cases da Bolsa

Aprenda análise fundamentalista de ações na prática, com maiores cases já criados na B3