Investimentos

Profissionais têm trocado a carreira em bancos pelos escritórios de investimentos

O sonho de construir uma carreira de assessoria junto a uma corretora de investimentos é cada vez mais almejado por profissionais de instituições de primeira linha.

Avalie este artigo!

Algo que vem ganhando muita força no mercado brasileiro é a dinâmica de mobilidade de bancos para escritórios de investimentos. Atualmente, os chamados “bankers” (termo que significa “banqueiro” em inglês) têm sonhado cada vez mais em edificar uma carreira junto às corretoras de investimentos, conforme destaca uma matéria publicada pelo jornal Valor Econômico.

WhatsApp Image 2018 11 21 at 17.04.30 1024x682 - Profissionais têm trocado a carreira em bancos pelos escritórios de investimentos
Depois de três anos trabalhando em banco, Kleber Falchetti migrou para uma corretora de investimentos. Foto: Marcelo Padilha/Eu Quero Investir

Essa é exatamente a situação de Kleber Falchetti, atual assessor de investimentos na corretora Eu Quero Investir, com matriz em Balneário Camboriú, Santa Catarina. Em 2007, depois de atuar por três anos como gerente de Mercado de Ações em um banco, Falchetti decidiu migrar para uma assessoria de investimentos.

“No banco eu me sentia muito limitado. Eu só podia oferecer aos meus clientes os produtos que o próprio banco tinha à disposição, assim, eu não conseguia concentrar todo o capital de um cliente. Agora, como assessor de investimentos da Eu Quero Investir, eu tenho uma carta completa de produtos para oferecer e em muitos casos, 100% do capital do cliente passa pela minha assessoria”, conta Falchetti, economista, que também atua como professor na área financeira.

A Eu Quero Investir, que está hoje entre os quatro maiores escritórios da XP Investimentos, conta  com 60 assessores de investimentos – ou, agentes autônomos – preparados para guiar o dinheiro dos clientes para as melhores aplicações, levando em consideração os cenários políticos nacional e internacional.

A XP Investimentos promove um forte patrocínio quando o assunto é assessoria. A meta da corretora é alcançar R$ 1 trilhão em ativos até 2020 e, para isso, tem oferecido diversos incentivos aos novos assessores que chegam com grandes volumes.

O que faz um Assessor de Investimentos

Atuar como preposto, distribuindo e mediando títulos e valores mobiliários, derivativos e quotas de fundos de investimentos, respeitando as normas impostas pelas intuições que compõem o sistema de distribuição de valores mobiliários. Este é o papel de um agente autônomo de investimentos, ou, simplesmente, assessor de investimentos.

Na prática, isso significa que o assessor de investimentos ajuda o cliente a tomar as decisões certas na hora de investir o dinheiro. Cabe ao agente autônomo de investimentos explicar o funcionamento das aplicações financeiras, tais como: ações, renda fixa, fundos de investimento, fundos imobiliários, derivativos e outros.

Os assessores de investimentos conhecem as regras do mercado financeiro, bem como os riscos e o retorno das aplicações. Por isso, são as pessoas certas para aconselhar e tirar as dúvidas de quem pensa e quer investir.

WhatsApp Image 2018 08 06 at 13.59.54 1024x682 - Profissionais têm trocado a carreira em bancos pelos escritórios de investimentos
Crédito da imagem: Gabrielle Pilotto/Eu Quero Investir

Assessor de Investimentos: Profissão em Crescimento

No Brasil, hoje, há mais ou menos três mil assessores de investimentos, porém, é uma profissão que tem grande potencial de crescimento. Um espelho para o nosso país são os Estados Unidos, que tem 1,3 milhões de agentes autônomos em atuação no mercado financeiro.

Na recente pesquisa feita pelo site CNN Money, o “financial advisor”, ou, consultor financeiro, ocupa a sexta posição no ranking das profissões com os trabalhadores mais satisfeitos dos Estados Unidos.

O Assessor de Investimentos Eu Quero Investir

Na Eu Quero Investir – um dos três maiores escritórios de investimentos do Brasil e o único com o selo “Great Place To Work” – a função do assessor de investimentos vai ainda mais além. Aqui, muito antes de assessorar nossos clientes, temos a constante preocupação educacional, ou seja, nosso agente autônomo de investimentos também contribui com a produção de conteúdo (artigos, newsletters, vídeos e palestras).

Tudo para que você entenda de maneira clara e objetiva (sem “economês”) os produtos indicados na montagem de sua carteira de investimentos.

Além de auxiliar na alocação de ativos, nosso agente autônomo de investimentos estabelece contatos frequentes para situar seus clientes a respeito de assuntos que impactam ou possam impactar em seus investimentos.

WhatsApp Image 2018 08 06 at 13.59.51 1024x682 - Profissionais têm trocado a carreira em bancos pelos escritórios de investimentos
Crédito da imagem: Gabrielle Pilotto/Eu Quero Investir

Perfil de um Assessor de Investimentos

A primeira regra é gostar e, por consequência, entender o mercado financeiro. Falar bem, ter um bom convívio social e habilidade na área comercial também fazem parte do perfil de um bom agente autônomo de investimentos.

Podemos ainda citar como outros itens do perfil de um agente autônomo de investimentos: ser empreendedor, não se importar em não ter renda fixa e ter em mente que o sucesso dentro empresa depende de si mesmo.

Como faço para me tornar um Assessor de Investimentos?

Grande parte dos assessores de investimentos são graduados ou estudantes de Economia, Administração ou Contabilidade, mas isso não impede que pessoas com outras formações ingressem na profissão. Como dito anteriormente, entender o funcionamento do mercado financeiro é o principal pré-requisito.

Porém, para exercer a função de agente autônomo de investimentos, é necessário passar em uma prova que é feita pela Associação Nacional de Corretoras e Distribuidores (Ancord). Essa prova é a certificação de que o candidato tem qualificação para assumir a função.

A aprovação depende do acerto de pelo menos 70% das 80 questões de múltipla escolha. Para fazer o exame, não é preciso ter ensino superior, basta ter o ensino médio completo.

WhatsApp Image 2018 08 06 at 13.59.53 1024x682 - Profissionais têm trocado a carreira em bancos pelos escritórios de investimentos
Crédito da imagem: Gabrielle Pilotto/Eu Quero Investir

Quer fazer parte da equipe Eu Quero Investir?

Envie o seu currículo para o e-mail: contato@euqueroinvestir.com
Caso precise da ajuda de nossos assessores de investimentos para aplicar o seu dinheiro, preenche o formulário abaixo para que um de nossos profissionais possa entrar em contato com você.
Tags

Patrícia Auth

Patrícia Auth é jornalista formada pela Univali de Itajaí/SC. Trabalhou em impressos, como o Jornal de Santa Catarina, e também, como repórter na Rede Record e RBS TV. É casada, mãe da Lívia e adoradora de boa música e gastronomia.

Na equipe EuQueroInvestir, é responsável pela produção de vídeos, e também escreve e edita artigos para o site.

Entre em contato com a Patrícia pelo e-mail: patricia.auth@euqueroinvestir.com

Artigos Relacionados

Close