Prévia do payroll surpreende com criação de 174 mil vagas nos EUA

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: Reprodução/Pixabay

O Relatório Nacional de Emprego dos Estados Unidos, considerado uma prévia do payroll que sai na sexta-feira (5), reportou a criação de 174 mil novos postos de trabalho em janeiro.

O resultado foi mais de três vezes superior ao projetado pelo mercado, que era de 49 mil vagas. E compensa as 123 mil vagas fechadas em dezembro.

O relatório é feito pelo ADP Research Institute e pela Moody’s Analytics. E apontou que o setor de serviços foi o que mais gerou postos de trabalho, com 156 mil novas colocações. Na indústria, foram criadas 19 mil vagas.

Abra agora sua conta na EQI Investimentos e tenha acesso a opções de investimentos de acordo com seu perfil. Invista em suas Escolhas

payroll

Reprodução/ADP

A diferença entre o relatório do ADP/Moody’s para o payroll do governo é que o relatório contabiliza apenas vagas no setor privado não-agrícola. Já o payroll também inclui na contagem os funcionários públicos.

O último payroll apontou o fechamento de 140 mil postos de trabalho em dezembro.