Pressão por ação ambiental e poder de Guedes marcaram o fim do Fórum em Davos

Daniele Andrade
Jornalista formada pela Universidade Positivo, pós-graduada em Mídias Digitais. Atualmente cursa bacharel em História. Gosta de produzir reportagens sobre política tanto nacional quanto internacional, economia e tecnologia.
1

Crédito: Reprodução / Agência Brasil

O Fórum Econômico Mundial, realizado em Davos, terminou na sexta-feira (24) com uma divisão entre quem reconhece a crise ambiental como problema urgente e outros que veem um problema não tão importante assim.

Segundo informações da Folha de São Paulo, o Brasil deixou Davos melhor do que entrou no início do evento em que atraiu investidores para o futuro. Na ausência do presidente Jair Bolsonaro, Paulo Guedes conseguiu se sair bem. Ganhou elogios de banqueiros e chefes de organizações internacionais.

Eixo ambiental

Guedes participou de um encontro com mais de 50 chefes de grandes empresas do mundo. Nos quatro dias de evento, a equipe econômica de Paulo Guedes tentou demonstroar o quanto o Brasil estava se recuperando. Falando sobre a reforma da Previdência aprovada, sobre um relatório mostrando o Brasil como quarto destino de investimentos, entre outros pontos.

A presidente do FMI (Fundo Monetário Internacional), Kristina Georgieva, comentou que o novo motor para a economia global está nos investimentos em energias renováveis e outras tecnologias. O eixo ambiental proporcionou um encontro para abordar formas de conter a crise. Em que Guedes comentou que o governo Bolsonaro não prega a destruição da natureza.

Sobre a declaração feita a respeito da declaração que o desmatamento é para combater a pobreza, Guedes também teve de se explicar. Apontando que outros países já passaram por essa situação. E, que no momento há outras exigências a serem tratadas, segundo informações da Folha de São Paulo. Mas anunciou que o Brasil vai reabrir o Centro de Biotecnologia na Amazônia.

Balanço do evento

O Fórum realizado em Davos, deixou claro que os países precisam se adaptar aos novos tempos. Com novas formas de parar os desastres ambientais. Envolvendo assim mais compromisso com a ecologia. Além disso, também foi abordado a necessidade de cada vez mais possuir força de trabalho qualificada para a nova era da tecnologia que está chegando.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil