Presidente da Petrobras (PETR4) diz que “venda de ativos” permanece

Marcelo Hailer Sanchez
null
1

Crédito: Flickr

Em evento organizado e transmitido on-line pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, afirmou que, mesmo diante da crise gerada pela pandemia, o programa de desinvestimentos “se mantém intacto”, mas admitiu a possibilidade de sofrer alguns atrasos.

A Petrobras possui oito transações já assinadas, porém, pendentes de conclusão, que totalizam US$ 2,75 bilhões, destes a estatal já recebeu US$ 159,5 milhões. Essas transações envolvem sete ativos de exploração e produção (E&P).

Castello Branco reforçou durante o evento de que tem confiança que, pelo que é dado “pelos compradores, de que a liquidação financeira ocorrerá no momento em que for marcado”.

O presidente da Petrobras também falou sobre os efeitos da pandemia no mercado doméstico de combustíveis. Castello Branco disse que as vendas de gasolina vivem uma contração da ordem de 60% em relação ao momento pré-crise, enquanto a demanda por diesel está 40% menor.

Ao término do evento, que foi realizado de maneira on-line pela FGV, Castello Branco disse esperar “que (os demais elos da cadeia, como distribuidores e revendedores) se comportem como bons capitalistas e não como inimigos do capitalismo que prosperam em cima da sociedade e minam a crença popular no funcionamento do livre mercado”.