Policiais separam grupos contra e a favor de Moro em frente à sede da PF

Felipe Moreira
Felipe Moreira é Graduado em Administração de empresas e pós-graduado em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 6 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Reprodução/Twitter

Grupos de manifestantes contra e a favor de Moro se aglomeram em frente à sede da Polícia Federal em Curitiba, neste sábado (2).

Apoiadores de Bolsonaro entraram em confronto com o grupo a favor de Sergio Moro, o que levou aos policias à intervirem. O ex-ministro prestará depoimento hoje às 14h.

De acordo com o jornal Estado de Minas, os manifestantes de ambos os grupo  carregavam bandeiras do Brasil e vestem camisas das cores da bandeira.

O depoimento do ex-ministro deveria ter iniciado às 11h de hoje, mas foi postergado para as 14h, por questão de segurança, segundos fontes da PF.

Moro acusa Bolsonaro de interferência nas investigações da Polícia Federal.

A investigação vai se concentrar na suposta prática dos crimes de falsidade ideológica, coação no curso do processo, advocacia administrativa, prevaricação, obstrução de justiça e corrupção passiva. Se não provar as acusações que fez, Moro pode responder por denunciação caluniosa e crime contra a honra.