PMI Industrial chinês tem menor leitura histórica

Carlos Henrique de S. e Silva
Carlos Henrique é especialista de investimentos certificado pelo CEA® e PQO®. Em sua trajetória esteve em grande instituições como o Banco Volkswagen, XP Investimentos e Banco Itaú. Atua como assessor de investimentos e paralelamente como redator do site EuQueroInvestir.com.
1

Crédito: China - vetor por Flickr.com

PMI Industrial Caixin na China tem menor leitura na série histórica por conta de paralisações relacionadas ao Covid-19.

O índice de atividade industrial teve nova leitura de 40,3 em fevereiro. O consenso de mercado era de 45,7 segundo o Investing.com.

O PMI Industrial Caixin, índice de atividade dos gerentes de compras, representa a atividade do setor industrial chinês que já estava em queda nas últimas leituras.

Ao mês de janeiro de 2020 foi registrado leitura de 51,8 em contrapartida ao mês de dezembro de 2019 a 52,5 com sinalizações claras de desaceleração.

PMI industrial chinês e o Coronavírus

Embora as leituras do Índice Caixin já estivessem em redução, a leitura de fevereiro reflete o impacto do novo coronavírus na economia chinesa.

A fim de evitar maiores proliferações do Covid-19, o governo chinês recomendou evitar qualquer contato desnecessário com grandes grupos de pessoas, adiando eventos nacionais como o Ano Novo chinês e recomendando que a população permanecesse em casa.

Desse modo, industrias chinesas estão impossibilitadas de produzir e, consequentemente, estão sem gerar receita.

Segundo o Banco Central chinês, haverá um esforço para reduzir o custo da tomada de crédito no país a fim de minimizar o impacto dos dias de paralisação.

Bancos, contudo, têm tido menor disposição de liberação das linhas de crédito mais baratas de acordo com a Bloomberg.

Impacto do surto de Covid-19

O surto do novo coronavírus já deixa mais de 80 mil chineses infectados e aproximadamente 3 mil mortos.

Mesmo o vírus sendo comprovadamente menos letal que o SARS e MERS (outros da família coronavírus), o Covid-19 tem se mostrado mais contagioso que os demais.

Segundo o epidemiologista Marc Lipsitch, professor e pesquisador-chefe da Harvard School, a epidemia poderia se espalhar para 70% da população mundial em até 1 ano.

LEIA MAIS:

Como o coronavírus está afetando a indústria de eletrônicos na China.