Plano Safra poderá ser antecipado pelo governo, diz ministra da Agricultura

Jéssica De Paula Alves
Jornalista e produtora de conteúdo
1

Crédito: Reprodução/Facebook

O governo federal poderá antecipar Plano Safra 2020/21, com o intuito de ajudar agricultores brasileiros. Estes que temem impactos com a pandemia do coronavírus. De acordo com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, uma reunião com o ministro da Economia, Paulo Guedes, deve ocorrer nesta semana, informou a Reuters.

Um dos temores dos agricultores é a menor oferta de crédito para a futura safra. Devido ao cenário econômico impactado com o novo coronavírus. Mas a ministra afirmou que o programa governamental de financiamento aos agricultores brasileiros, familiares e empresariais não é suficiente para atender às necessidades.

“Estamos pensando em tentar antecipar o Plano Safra para dar um norte para aqueles que tomam esse recurso. Mas a gente sabe que ele é 40% só do que se precisa para tocar uma safra do tamanho da safra brasileira. Para que essa engrenagem toda trabalhe. Então, realmente esse é o assunto número um das minhas preocupações e da minha gestão”, disse Tereza Cristina.

A declaração foi dada durante videoconferência transmitida na internet. Reuniu representantes do setor do agronegócio e conduzida pelo agrônomo Xico Graziano, professor de MBA da Fundação Getulio Vargas (FGV).