Petrobras (PETR4) inicia venda de fatia em blocos na Bacia do Espírito Santo

Marco Antônio Lopes
Editor. Jornalista desde 1992, trabalhou na revista Playboy, abril.com, revista Homem Vogue, Grandes Guerras, Universo Masculino, jornal Meia Hora (SP e RJ) e no portal R7 (editor em Internacional, Home, Entretenimento, Esportes e Hora 7). Colaborador nas revistas Superinteressante, Nova, Placar e Quatro Rodas. Autor do livro Bruce Lee Definitivo (editora Conrad)

Crédito: Divulgação

A Petrobras (PETR4) comunicou, nesta sexta (11), o início da fase vinculante referente à venda de parcela de sua participação nos blocos exploratórios na Bacia do Espírito Santo.

Os blocos pertencem às concessões ES-M-596_R11, ES-M-598_R11, ES-M-671_R11, ES-M-673_R11 e ES-M-743_R11.

“Essa operação está alinhada à otimização do portfólio e à melhora de alocação do capital da companhia, visando a geração de valor para os seus acionistas”, diz a nota da empresa.

Ferramenta ajuda na escolha de suas ações de acordo com balanços

Blocos exploratórios

A Petrobras informa: “As concessões ES-M-596_R11, ES-M-598_R11, ES-M-671_R11, ES-M-673_R11 e ES-M-743_R11 foram adquiridas na 11ª Rodada de Licitações da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) em 2013 e estão atualmente no 1º Período Exploratório.”

De acordo com a estatal, está em andamento o processo de cessão das participações da Equinor, em todas as concessões, e da Total nas concessões ES-M-671_R11 e ES-M-743_R11, para a Petrobras.

Após o processo de cessão, a Petrobras passará a ser operadora em todas as concessões e deterá as seguintes participações:

  • ES-M-596_R11: Petrobras com 100% de participação;
  • ES-M-598_R11: Petrobras com 80% de participação
  • e Enauta com 20% de participação.