Pesquisa Exame: para maioria, nem Bolsonaro nem Lula merecem presidência

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: Reprodução/Agência Brasil

Nem Luiz Inácio Lula da Silva, nem Jair Bolsonaro têm a preferência da maioria do eleitorado. Segundo a mais recente pesquisa Exame/Ideia, divulgada nesta sexta-feira (21), 53% dos entrevistados não acham que Bolsonaro mereça ser reeleito, enquanto 37% acham que sim.

Para 50%, Lula não merece voltar a ser presidente. E para 39%, sim.

Praticidade e precisão, saiba quais melhores investimentos e como melhorar rentabilidade de suas ações

 

Money Week 5ª Edição

5 Dias de Evento | 70 Autoridades do Mercado Financeiro | 20 Horas de Conteúdo

pesquisa

Reprodução/Exame/Ideia

 

pesquisa

Reprodução/Exame/Ideia

No entanto, na pesquisa espontânea, se a eleição fosse hoje, dentro do cenário de possíveis candidatos levantado até aqui, Lula sairia na frente. Ele teria 19% dos votos no primeiro turno, contra 17% de Bolsonaro.

Ciro Gomes aparece em terceiro, com 4%. Sergio Moro tem 2%, assim como João Doria. Luciano Huck tem 1%. E João Amoedo e Luiz Henrique Mandetta, 0,5%.

pesquisa

Reprodução/Exame/Ideia

Já em um eventual segundo turno entre Lula e Bolsonaro, Lula tem 45% das intenções de voto contra 37% de Bolsonaro.

Para Maurício Moura, fundador do instituto Ideia, a pesquisa aponta duas principais tendências: a perda de popularidade de Bolsonaro nas classes A e B e a necessidade de uma terceira via, para se colocar entre Bolsonaro e Lula, mas com viés de centro-direita. “O candidato que quiser ocupar esse espaço tem de ter uma configuração mais conservadora do que progressista”, afirmou.

O levantamento ouviu 1.200 pessoas entre os dias 19 e 20 de maio. As entrevistas foram feitas por telefone, com ligações tanto para fixos residenciais quanto para celulares.