Pedro Sánchez é eleito líder de uma coalizão de governo de esquerda na Espanha

Paulo Amaral
Jornalismo é meu sobrenome: 20 anos de estrada, com passagens por grandes veículos da mídia nacional: Portal R7, UOL Carros, HuffPost Brasil, Gazeta Esportiva.com, Agora São Paulo, PSN.com e Editora Escala, entre outros.

Crédito: Reprodução/Jovem Pan

A Espanha elegeu o premiê socialista Pedro Sánchez como líder de uma coalizão de governo após uma votação bastante apertada.

Segundo informações da Agência AFP, o líder do PSOE, que está no governo desde junho de 2018, conseguiu 167 votos a favor e 165 contra, além de 18 abstenções.

A coalizão formada neste ano é inédita, pois conta com a participação do Podemos, partido radical de esquerda no país.

Guia definitivo sobre Renda Variável  e os Melhores Investimentos para 2021

“Vai haver uma coalizão progressista porque assim decidiram os espanhóis e a maioria parlamentar do Congresso”, afirmou Sánchez.

Para o novo líder de governo, “o país estava desprovido de ferramentas para abordar seus problemas e encarar os desafios do futuro”.