Paranapanema (PMAM3) reverte lucro em prejuízo de R$ 276,4 mi no 2TRI

Felipe Moreira
Felipe Moreira é Graduado em Administração de empresas e pós-graduado em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 6 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Apaixonado por educação financeira e investimentos.

Crédito: Divulgação/ Paranapanema

A Paranapanema (PMAM3) reportou um prejuízo de R$ 276,4 milhões no segundo trimestre de 2020, revertendo o lucro líquido de R$ 102,8 milhões um ano antes.

Conforme a empresa, o resultado foi impactado pelas menores margens fruto da mudança do mix de produtos e especialmente em função do efeito não caixad a variação cambial sobre a sua dívida em moeda estrangeira.

O resultado financeiro foi positivo em R$ 136,1 milhões, ante uma perda financeira de R$ 47,3 milhões.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebtida, na sigla em inglês) foi negativo em R$ 95,1 milhões, contra um Ebtida positivo de R$ 116,9 milhões.

A margem Ebtida ficou negativa em 8,7%, ante uma margem positiva de 8,3%.

Receita cai

A receita líquida atingiu a cifra de R$ 1,088 bilhão, uma redução de 22%.

De acordo com a empresa, a receita foi impulsionada pela exportação de catodo de cobre (commodity), mitigando os impactos negativos da pandemia no mercado local.

O prejuízo bruto foi de R$ 35,735, ante um lucro bruto de R$ 61,1 milhões.

Segundo a Paranapanema, o desempenho foi impactado pelo efeito não caixa do ajuste dos estoques.

Enquanto a margem bruta ficou negativa em 3,3%, contra 4,4% em comparação com mesmo período de 2019.

Paranapanema

Geração de caixa

A Paranapanema reportou uma geração de caixa livre positivo de R$ 144 milhões no trimestre.

Isso significa um aumento de R$ 143 milhões em relação ao mesmo período de 2019, mantendo o nível de investimento de CAPEX conforme orçamento original.

Dívida

A dívida líquida da Paranapanema encerrou o segundo trimestre em R$ 2,921 bilhões.

A alavancagem financeira, medida pela relação dívida líquida / Ebtida ajustado, ficou em vezes no final do trimestre, contra vezes no mesmo período do ano passado.

Veja os principais destaques do balanço da Paranapanema (PMAM3):